O ludico como viabilizador do ensino de ciencias no quinto ano do ensino fundamental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3215 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O LÚDICO COMO VIABILIZADOR DO ENSINO DE CIÊNCIAS NO QUINTO ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

*Rosimeire nobre Marcelino

RESUMO
Nos dias atuais, nota-se que cada vez mais os níveis da qualidade de ensino se minimizam quanto à formação de um aluno crítico que domine o saber científico. Embora o bom desempenho na qualidade produtiva e internalizadora do aluno envolva fatores psicológicos eambientais, a utilização em sala de aula de recursos que propiciem o melhor desempenho do educando facilita a internalização dos conteúdos aplicados, além de proporcionar interesse e participação ativa nas aulas. Cabe então ao professor fazer uso de ferramentas lúdicas para viabilizar o ensino de Ciências no quinto ano do Ensino Fundamental juntamente com os fatores psicológicos e ambientais que norteiam odesenvolvimento da criança nessa faixa etária, para assim poder desenvolver um bom trabalho, de forma que este não seja tomado apenas como conteúdo metodológico a ser aplicado ao aluno, mas sim como experienciação que propicie o aprendizado e a convivência social.

PALAVRAS-CHAVE: Lúdico; Ciências; Ensino; Experienciação.

1 INTRODUÇÃO

Em uma sociedade global, na qual as informações eas tecnologias caminham a passos largos, e intrinsecamente unidas ao uso dos recursos naturais, observamos uma crescente presença das tecnologias no cotidiano, o que nos revela que é impossível formar um cidadão crítico e autônomo, sem que este domine o saber cientifico.
Entretanto, esse tipo de conhecimento não pode ser adquirido pelo vão acúmulo de conteúdos, por esta razão temos por objetivocontribuir por meio de levantamento e revisão teórico bibliográfica para que o ensino e a aprendizagem de ciências, em especial no último ano do ensino fundamental I, aconteça de forma mais significativa, tendo o lúdico como proposta de viabilização deste pressuposto, por se tratar de uma forma de promover situações de aprendizagem cuja metodologia preza pela ação espontânea, criativa e autônomados sujeitos aprendizes, contribuindo portanto para a ampliação de suas capacidades intelectuais e comportamentais.
Embora a sociedade atual supervalorize o conhecimento científico, devido a crescente presença da tecnologia em nossas vidas, o ensino de ciências nas escolas é algo recente, da década de 60 até o inicio dos anos 70, o ensino desta disciplina não era obrigatório e era ministradoapenas nas duas últimas séries do antigo ginásio e apenas em 1971 o ensino de ciências naturais passou a ser obrigatório. Porém, o cunho que se deu ao ensino das ciências naturais, foi o tradicional e as aulas eram na grande maioria das vezes expositivas. O conhecimento científico era visto como um saber neutro e a verdade científica não era questionada, a qualidade do ensino era definida segundo aquantidade de conteúdos transmitidos aos alunos e a forma de avaliação por sua vez era o questionário e as respostas deveriam corresponder fielmente ao discurso do professor, e conseqüentemente ao seu livro ou texto.
Cabe ainda lembrar que a ciência e a tecnologia são e estão enraizadas em questões que permeiam a política e a sociedade, portanto o ensino da área de ciências naturais não é neutro, eatende a interesses implícitos nas condições de ensino.
Desta forma será feita uma tentativa de esclarecer que o ensino de ciências não se resume à mera teorização de conhecimentos alheios ao desenvolvimento intelectual e cognitivo do educando, pois a criança é cidadã do presente e tudo que se ensina a ela deve viabilizar a sua plena participação na sociedade hoje e no futuro.
2 O currículo deciências no ensino fundamental
Considerando os avanços científicos já ressaltados, é necessário organizar estruturas da área que favoreçam a aprendizagem significativa do aluno acumulada ao longo do tempo e a formação de uma concepção sobre ciências e suas relações com a tecnologia e a sociedade. Diante disso para a formação escolar faz-se necessário levar em consideração os conhecimentos já...
tracking img