O farol de alexandria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (257 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O Farol de Alexandria


A introdução “O Farol de Alexandria”, do livro A Crítica Literária no século XX, do autor Jean-Yves Tadié, editado no ano de1992, faz uma reflexão sobre a crítica literária do século XX e apresenta outros três tipos de críticas.
Albert Thibaudet ressaltou três tipos de críticas: acrítica falada (refere-se à conversação), a crítica profissional (a crítica dos professores) e a crítica dos artistas (exprime-se as características próprias doautor).
O autor, através dos conceitos de Blanchot, define a crítica como “uma manifestação externa daquilo que se passa no interior da obra”.
Após osconceitos de crítica, Jean-Yves, retoma a falar sobre a crítica falada, a dos professores e a dos artistas, mostrando qual a preferência dos leitores.
Um pontonegativo refere-se à várias citações de obras durante o texto, isso dificulta o entendimento do leitor.
A crítica teatral é brevemente citada, por terconquistado, pouco a pouco, sua autonomia e independência em relação à crítica literária.
Finalmente, Jean-Yves faz relações entre a crítica literária e o Farolde Alexandria, porém, só entenderá essas relações quem tem conhecimento sobre o que foi o Farol de Alexandria.
O título do texto é uma metáfora, pois emAlexandria foi construído um farol para clarear a cidade, assim como a crítica é feita para “clarear” nossas idéias sobre as obras.
Esse texto é interessantepara aqueles que buscam mais conhecimento sobre a crítica literária, que é um objeto de suma importância para alunos e professores de língua portuguesa.
tracking img