“O desafio de se conviver com a diferença”

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (314 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
“O desafio de se conviver com a diferença”
Na primeira metade do século XX, o mundo conheceu os horrores do nazismo quando a Alemanha liderada por Adolf Hitler perseguiu e massacrou judeus.Essa triste história se torna ainda pior ao se perceber que hoje, décadas depois, a mesma essência permanece presente: a intolerância às diferenças. Na contemporaneidade, esse sentimento mesquinhoe egoísta causa exclusão social, discriminação e até morte, por isso é dever do poder público, das instituições de ensino e da família promover o respeito.
Recentemente, em Brasília um grupode 6 adolescentes atearam fogo em dois moradores de rua. O resultado da brincadeira de mau gosto, semelhante ao ocorrido em 1997, quando cinco jovens de classe média incendiaram o índio Galdino,que dormia em uma parada de ônibus, foi morte, dor e muito sofrimento. No entanto, os mesmos se encontram em liberdade. Em 2007, uma doméstica foi espancada por jovens na Barra da Tijuca,bairro nobre do Rio de Janeiro. Em Londres, um brasileiro confundido por um terrorista, foi brutamente exterminado pela policia inglesa por ter feições diferentes da maioria dos britânicos.
Osprofessores, junto às escolas e faculdades, têm o poder e o dever de transformar a mentalidade de seus alunos. Incentivar pesquisas sobre a vida da população em diversos países é um ótimo começo.No entanto, não é apenas responsabilidade do Estado e dos profissionais da educação transmitir valores. É papel também da família fazê-lo. Desde criança, o cidadão tem que aprender a respeitar osvalores humanos, e o exemplo, nessa idade, está em casa.
Torna-se evidente, portanto, a importância de se respeitar a individualidade alheia. A criação de leis e punições mais severas e otrabalho de um governo que valorize as diferenças existentes em seu país são caminhos para que gerações futuras sofram menos discriminações. Afinal, na mudança do presente, molda-se o futuro.
tracking img