O assassinato de cristo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1189 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo da Obra “O Assassinato de Cristo” 3a. ed.. Martins Fontes, São Paulo, 1987, de Wilhelm Reich.

Autor:
Para Reich, o homem se defronta, através dos tempos, com a plena responsabilidade pelo assassinato de Cristo: pelo assassinato do vivo, qualquer que seja a forma sob a qual se apresenta. Esta é a verdade crua sobre o modo real como as pessoas são, agem e se emocionam.
Explora osignificado da vida de Cristo e atribui o flagelo universal que causou sua agonia e morte à Peste Emocional da Humanidade.
Diz que “Só num futuro distante, quando uma educação consciente tiver eliminado a forte contradição entre civilização e natureza, quando a vida bioenergética e a vida social do homem não mais se opuserem uma à outra, mas, ao contrário, apoiarem-se uma à outra e se complementarem,esta tarefa deixará de ser perigosa. Devemos estar preparados, pois esse processo será lento, penoso e exigirá muito sacrifício. Muitas serão as vítimas da peste emocional”.

Cita que toda criança que nasce contém em si a potencialidade para a plena realização, desde que a sociedade "não assassine o Cristo latente que existe em cada criança".

Para ele "A ciência do homem chegou mais perto davisão cósmica do homem na Cristandade, e a igreja teve de encarar as realidades plenas da vida. O livro de Renan sobre Cristo teve de ser publicado, e a psiquiatria teve de se apropriar da humanidade. À luz de tudo isso, podemos esperar que a igreja Cristã logo mude seu ponto de vista sobre o Amor de Cristo que é amor corporal. Não há outro caminho para a Cristandade senão o de mudar com ostempos".


Reich mergulha em um intenso, extenso e profundo diálogo com as concepções cristãs. O assassinato de Cristo é tomado como o paradigma da perseguição à “Vida”, por parte dos organismos encouraçados e frustrados. O livro cheio de citações da Bíblia, Reich assimila as idéias cristãs, adaptando-as às suas próprias teorias:



“Deus Pai é a energia cósmica fundamental, de onde toda aexistência deriva e cujo fluxo atravessa nosso corpo, como atravessa tudo que existe. Mas Deus Pai é também a realidade inatingível do AMOR CORPORAL, mistificado e idolatrado através da noção de Céu” .



“Leia atentamente, refletindo bem, o sermão da montanha. Substitua 'Pai', que quer dizer 'Deus' , por 'Força Vital Cósmica'. Entenda por 'Mal' a degenerescência trágica dos instintosnaturais do homem” .



“...o homem é o Filho de Deus, e Deus é o Oceano de Energia Cósmica do qual o homem é uma parcela minúscula, um movimento, vindo de Deus e indo para Deus, retornando ao seio do Grande Pai” .



“Para o orgonomista analista de caráter do século vinte, Cristo possui todas as marcas do caráter genital. Ele nunca poderia ter amado as crianças, as pessoas, anatureza, nunca poderia ter sentido a vida e agido com a graça suprema com que agiu, se houvesse sofrido frustração genital”. “Não pode haver dúvida, Cristo conheceu o amor físico e as mulheres” .



“O mais incompreensível do enigma é que esta vida tenha dado origem a uma religião que, em flagrante contradição com seu fundador, baniu de sua esfera o princípio do funcionamento natural davida e perseguiu, mais do que tudo, o amor físico”


Ao comentar os comportamentos religiosos equivocados do homem comum, é dito que:

“Mas um dia haverá um profeta que compreenderá isso e não dará a mínima importância ao fato de acreditarem nele ou não.”



“Eles o interrogarão, como fizeram com Cristo, em Jerusalém: 'Com que autoridade você fez essas coisas, e quem lhe deu autoridadepara isso? (...) Ele os repreenderá sem reservas. Ele lhes dirá que isso não é da sua conta, que ele tem autoridade para fazer o que faz ... que ele não se importa em saber se acreditam nele ou não ... que não está ali para convencer”.

"A raça humana enfrentaria o pior, o mais devastador desastre dos desastres se, de repente, chegasse, de uma só vez, a ter pleno conhecimento da função da Vida,...
tracking img