A queda da ponte tacoma narrows

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (724 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A queda da ponte Tacoma Narrows
A ponte Tacoma Narrows foi uma ponte construída em 1940 nos Estados Unidos e que ficou famosa pela sua grande oscilação e consequente colapso, na presença deventos considerados fracos, porém, constantes, fato que gerou um efeito físico conhecido como ressonância. Apesar de sua trágica história, esta ponte permitiu o avanço na tecnologia de construção de pontese viadutos, além da melhor compreensão do efeito da ressonância em construções
A ponte Tacoma é uma daquelas construções que ficam marcadas pela sua fatídica destruição. Construída em 1940, noestado de Washington, nos Estados Unidos, ela simplesmente ruiu quatro meses após o fim de sua construção. Porém, entre a sua inauguração e o colapso, muita coisa se pensou com respeito a ela. A pontefoi um dos maiores feitos da engenharia da época: tinha 1600 m de comprimento, era sustentada por oito pilastras e dois cabos de aço. Mas este aparato de sustentação não era suficientemente bom parareceber a ressonância que vinha da ponte.

Nos primeiros dias de sua utilização, seus usuários perceberam o seu movimento oscilatório quando alguma brisa ou vento um pouco mais veloz passava pelaponte. Em pouco tempo, a Tacoma Narrows Bridge tornou-se uma atração turística; todos queriam dirigir ou caminhar sobre a ponte que se movia tal como uma montanha-russa ou rua de gelatina.

Estebalanço da ponte acontecia por que sua estrutura não era preparada contra o efeito de ressonância. Na época de sua construção, não se conheciam com precisão os efeitos que os ventos e o movimento naturaldas pontes pênsil (aquelas que são sustentadas por cabos e colunas). Desta forma, as estruturas e os projetos de construção eram baseados apenas na quantidade de carros ou caminhões que poderiampassar sobre a ponte. E por conta disto, a ponte Tacoma poderia sustentar um tráfego muito grande para a época, mas não suportaria um vento de 25 km/h.

Mas, para entendermos um pouco mais o...
tracking img