A meta

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5468 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O NÃO TÃO MARAVILHOSO MUNDO DA EURODISNEY – AGORA AS COISAS ESTÃO MELHORES NA DISNEYLÂNDIA DE PARIS

Bom Jour, Mickey!
Em abril de 1992, a EuroDisney SCA abriu as portas para os visitantes europeus. Localizada às margens do rio Marne, a cerca de 32km ao leste de Paris, ela foi projetada para ser o maior e mais imponente parque temático que a Walt Disney Company (Disney) jamais construíra atéentão – maior do que os parques dos Estados Unidos, a Disneylândia em Anahein, Califórnia, e a Disneyworld em Orlando, Flórida; e também maior que a Disneylândia de Tóquio, Japão. Em 1989, havia a expectativa de que a “EuroDisney” certamente seria uma máquina de fazer dinheiro para a sua empresa-mãe, a Disney, que era comandada pelo presidente do conselho, Michael Eisner, e por seu presidente,Frank Wells. Desde então, infelizmente, Wells morreu em um acidente aéreo na primavera de 1994, e a EuroDisney perdeu quase 1 bilhão de dólares durante o ano fiscal de 1992-93.
Para grande surpresa da administração da Disney, os europeus desapontaram, e não ficaram deslumbrados perante o Mickey, diferentemente dos japoneses. Entre 1990 e início de 1992, cerca de 14 milhões de pessoas já haviamvisitado a Disneylândia de Tóquio, sendo que três quartos delas eram visitantes repetentes. Uma família de quatro pessoas que passasse a noite em um hotel próximo poderia facilmente gastar 600 dólares em uma visita ao parque. Em contraste, na EuroDisney as famílias relutavam em gastar os 280 dólares necessários para aproveitar as atrações do parque, incluindo les hamburgers e les milkshakes. A estadaem um hotel estava fora de questão, porque os quartos de hotel eram muito caros. Por exemplo, os preços variavam entre 110 e 380 dólares por noite no Newport Bay Club, o maior dos seis hotéis da EuroDisney e um dos maiores da Europa. Em comparação, a diária de um hotel de elite em Paris custa entre 340 e 380 dólares.
Em 1994, as perdas financeiras da EuroDisney estavam se tornando tão maciçasque Michael Eisner teve que intervir pessoalmente, de modo a estruturar um plano de salvação para o parque. A EuroDisney foi colocada de volta em solo firme. Foi introduzido um estágio de paz financeira de dois anos, mas não antes que difíceis negociações com bancos franceses fossem resolvidas e que um inesperado investimento de um príncipe saudita fosse aceito. A administração da Disney introduziurapidamente uma série de mudanças estratégicas e táticas, na expectativa de dessa vez “fazer tudo certo”. Presentemente, há analistas tentando diagnosticar o que houve de errado e quais são as perspectivas futuras da EuroDisney.
Um sonho imobiliário que se torna realidade. A expansão para a Europa estava prevista para ser uma das principais fontes de crescimento da Disney na década de 1990, demodo a reforçar as perspectivas menos promissoras da empresa nos Estados Unidos. “A Europa é o nosso maior projeto para o resto do século XX”, afirmava Robert J. Fitzpatrick, presidente da EuroDisney, no verão de 1990.
O terreno de Paris foi escolhido entre mais de 220 áreas potenciais, desde Portugal, passando por Espanha, França, Itália e Grécia. A Espanha pensava ter as maiores chances de sero país escolhido, devido ao seu clima temperado e ensolarado o ano todo, mas havia pouca disponibilidade de terrenos adequados nos arredores de Barcelona.
No final, os generosos incentivos do governo francês, aliados aos impressionantes dados sobre a demografia regional, influenciaram Eisner a escolher o terreno de Paris. Calculava-se que cerca de 310 milhões de europeus viviam a cerca de duashoras de distância, de avião, da EuroDisney, e que 17 milhões de pessoas podiam chegar ao parque de carro em duas horas – dados demográficos melhores do que de qualquer outro parque da Disney. As conversas pessimistas sobre o lúgubre clima de inverno no norte da França foram rebatidas com referências ao sucesso da Disneylândia de Tóquio, onde visitantes resolutos enfrentam os ventos frios e a...
tracking img