A influencia da midia no comportamento da criança

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5410 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO

O comportamento da criança é colocado como objeto de estudo, ressaltando o reconhecimento da criança enquanto sujeito histórico e social, que se apropria e produz cultura. Desta forma, o enfoque dado ao comportamento da criança em interação com a mídia pode dizer da retro-influência mídia/criança no que se refere ao desenvolvimento de padrões comportamentais destecontingente.
Este trabalho propõe um estudo sobre as relações entre a criança e a Mídia, uma vez que as crianças de hoje estão cada vez mais inseridas no mundo tecnológico. Cabe aos pais e/ou responsáveis, colocados nesse cenário, desenvolverem estratégias no que diz respeito a lidarem com esta contingência dentro de seus lares; ficarem sensíveis a possíveis mudanças que poderão ocorrer, porinfluência da mídia, no comportamento de seus filhos.
Esta temática visa também responder à seguinte questão: Em que medida a mídia pode influenciar o comportamento da criança? E para responder a esta questão, as seguintes indagações são pertinentes:
• Como diminuir os possíveis efeitos negativos da mídia sobre o comportamento da criança?
• Pode ocorrer efeitos positivos da mídiasobre o comportamento da criança? Então como explorar?

Para abordar o assunto, o trabalho está apresentado da seguinte forma:

No primeiro capítulo foi apresentada uma reflexão do papel da infância enquanto sua construção social; através de um percurso pela história da infância, chegando até nos dias atuais.

No segundo capítulo foi abordada a história da mídia, chegandoaté a atualidade, visando as mudanças ocorridas em seu papel.

Já no terceiro capítulo foi analisada a relação entre a infância e a Mídia e nesta relação os possíveis efeitos provocados no comportamento da criança.

Para concluir este trabalho foram tecidas as considerações finais, apresentando propostas para pensar ações possíveis no que diz respeito à interação infância, mídia epais. Sensibilizar os pais quanto ao papel da mídia dentro dos lares poderá ser uma alternativa para minimizar os efeitos negativos da mídia no comportamento da criança; na verdade uma educação para a mídia uma vez que não há como prescindir da mesma.












































2 CONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA CRIANÇA


A idéia deinfância não é uma circunstância do acaso, ela é fruto de uma idéia histórica e social, resultante das relações sociais em curso, e se transforma á medida em que o ambiente sócio-cultural evolui. (VENTURELLA, 2003).


A criança sempre foi a cria do homem em todas as sociedades e cultura. No entanto, essa idéia ou visão de criança e dos cuidados a ela dedicados não foram sempre osmesmos, constituindo–se em produção relativamente recente. (CIRINO, 2010, n/d.)



Cirino (2010) afirma que, na idade média, as sociedades agrárias não tinham um lugar reservado à criança e a infância tinha pouca durabilidade e não apresentava importância alguma. A criança mal adquiria o manejo físico e era logo inserida no meio dos adultos; ela então passava a partilhar dos trabalhos,jogos e festas, sendo assim que a criança aprendia as coisas. (CIRINO, 2010, n/d).


Na Idade Média, a infância era um período de transição e rapidamente superado e sem importância. Sua duração reduzia-se à fase mais frágil da criança, que, quando adquiria algum desembaraço físico, tornava-se uma espécie de companhia natural dos adultos, partilhando seus trabalhos, jogos efestas. Sua socialização não era assegurada e nem controlada pela família – constituída, nessa época, por consangüinidade extensa – pois logo afastava-se dos pais, indo aprender as coisas que devia saber, ajudando outros adultos a faze-las. (CIRINO, 2010, n/d).



Áries (1981) ressalta que na tradicional sociedade a criança era menosprezada e ainda pequena, transformava-se rapidamente em...
tracking img