A idependencia das colonias inglesas e espanholas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2330 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A colonização da América obedeceu a mais um capítulo dos interesses europeus, para desafogar excedentes demográficos, escapar de conflitos político-religiosos e principalmente atender as práticas mercantilistas, enriquecendo os estados e a burguesia européia.
As terras do novo mundo, recém descoberto, representavam a fonte de riqueza para os povos europeus, necessitados de metais preciosos,excedentes agrícolas e de todos os produtos que antes vinham das Índias Orientais.
Neste capítulo vamos analisar os motivos e os mecanismos que a Espanha e a Inglaterra desenvolveram na colonização da América, como foi o trabalho, a organização social e econômica que exigiram habilidade dos colonizadores.
 
COLONIZAÇÃO INGLESA
Os historiadores identificaram que foram os puritanos que primeirocolonizaram a América do Norte, nas terras que hoje chamamos de Estados Unidos. Os principais motivos apontados foram os conflitos político-religiosos que ocorriam na Inglaterra dos séculos XVI e XVII. Porém, soma-se a esse outras razões de menor proporção. Precisamos observar também que os cercamentos dos campos ingleses (expulsão dos camponeses das terras que trabalhavam e dos feudos), formaram umgrande contingente populacional nas cidades, gerando miséria entre outros problemas sociais. Isso exigiu que se encontrasse uma saída para desafogar o excedente demográfico.
Mesmo assim foram os conflitos entre os anglicanos, puritanos e católicos que levavam a verdadeira guerra civil com inúmeras prisões e mortes, promoveram a saída dos colonos da Europa em direção a América.
Os protestantespartiram da Inglaterra em 1620 no navio Myflower em direção ao continente americano. Ficaram conhecidos como Pilgrim Fathers (pais peregrinos). Não eram ricos, mas representantes da pequena burguesia. Seu pensamento estava baseado no êxodo que os judeus fizeram quando saíram do Egito em direção a terra prometida. A idéia de que saiam de um lugar de dificuldades para uma “terra que mana leite e mel”.A importância desse pensamento era que os colonos queriam fazer da América uma nova Inglaterra, um lugar construído segundo os moldes britânicos, com muito trabalho, que era uma das características do calvinismo que tanto predominava entre os britânicos.
Na América foram organizadas, ao longo do século XVII, 13 colônias divididas entre norte, centro e sul.
        As colônias do norte iniciaramcom a Nova Inglaterra. A região desenvolveu pequenas propriedades com trabalho familiar. Seu clima frio não permitiu a formação da grande propriedade como no sul e nas colônias espanholas. Na economia eram manufatureiros e construtores de navios entre outras atividades. Foram também  os primeiros a se industrializar. Nessa atividade não dependiam de trabalho escravo, mas de assalariados.
Logo seformou no norte um mercado interno que fortificou sua economia.
Os nortistas faziam o comércio triangular que significava viagens mercantis que partiam de Boston, carregados de Rum, para as Antilhas (colônias da Espanha na América Central). Compravam cana-de-açúcar, levando para a África onde descarregavam o Rum e compravam escravos. No retorno esses eram deixados nas Antilhas para o trabalhonos canaviais e no sul da América do Norte.
No norte predominou a intolerância religiosa. Os puritanos governavam misturando política e religião. Tudo era vigiado e qualquer denúncia era apurada, podendo condenar as pessoas por bruxaria, mandando-as para a prisão ou pena de morte na fogueira. Esse episódio ficou conhecido como caça as bruxas.
        Nas colônias do sul o clima era mais tropicalo que permitia a produção agrícola de gêneros que interessavam a Europa. Assim, predominou o sistema de plantation, que era uma grande plantação monocultura para a exportação e com mão-de-obra escrava. Seus principais produtos foram o tabaco e o algodão. Isso fez com que a economia sulista fosse frágil porque dependia do mercado internacional e de suas oscilações. A sociedade formou uma...
tracking img