A estadia dos estudantes estrangeiros falantes não nativos da língua portuguesa no brasil: uma forma de tradução

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 44 (10971 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO ADVENTISTA DE SÃO PAULO CAMPUS ENGENHEIRO COELHO CURSO DE TRADUTOR E INTERPRETE

WANDA WOLSFELT ARMANDE

A ESTADIA DOS ESTUDANTES ESTRANGEIROS FALANTES NÃO NATIVOS DA LÍNGUA PORTUGUESA NO BRASIL: UMA FORMA DE TRADUÇÃO

ENGENHEIRO COELHO 2012

WANDA WOLSFELT ARMANDE

A ESTADIA DOS ESTUDANTES ESTRANGEIROS FALANTES NÃO NATIVOS DA LÍNGUA PORTUGUESA NO BRASIL: UMA FORMADE TRADUÇÃO

Trabalho de Conclusão de Curso do Centro Universitário Adventista de São Paulo Campus Engenheiro Coelho do curso Tradutor e Intérprete, sob orientação do prof. Ms. Neumar de Lima.

ENGENHEIRO COELHO 2012

Trabalho de Conclusão de Curso do Centro Universitário Adventista de São Paulo, do curso de Tradutor e Intérprete apresentado e aprovado em 18 de Novembro de 2012._________________________________________________
Orientador: Prof. Ms.Neumar de Lima.

__________________________________________________________

Segunda leitora: Profª. Drª. Ana Maria de Moura Schäffer.

Dedico este trabalho Àquele que é o doador da vida, meu escudo e minha fortaleza, o Senhor Jesus, aos meus pais e irmãos que sempre estiveram me apoiando. E a todos os participantes sujeitosque foram objeto do meu estudo.

AGRADECIMENTOS
Agradeço primeiramente a Deus, meu Pai celestial que sempre está comigo, minha fortaleza e quem, na sua misericórdia e seu amor infinito me inspirou para o cumprimento dessa tarefa. Agradeço aos meus pais e aos meus irmãos que me apoiaram em meus estudos. Agradeço ao UNASP a oportunidade dada a mim, me concedendo uma bolsa de estudos, ondedesenvolvi atividades que me ajudaram a progredir em várias áreas que, sem dúvida, contribuíram para a minha formação profissional. Agradeço à professora Áurea Tieko e ao casal Rosalvo e Lourdes Santana que foram grandes colaboradores para a minha estada no Brasil e para o cumprimento dos meus estudos no UNASP-EC. Agradeço aos professores que sempre me estimularam no meu crescimento intelectual,professora Ana Maria de Moura Schäffer, Milton Torres; Neumar de Lima; Davi Oliveira, Tania Siqueira; Tânia Torres, Edley Matos dos Santos. Todos foram instrumentos nas mãos de Deus para minha formação profissional. Agradeço em especial ao meu noivo Bartolomeu Rodrigues Lima, por estar sempre presente desde o nosso primeiro encontro e por me incentivar a ir sempre mais longe nos meus estudos.

RESUMOEste trabalho de pesquisa consiste em definir a estadia no Brasil do estudante estrangeiro e sua inclusão na sociedade brasileira como uma forma de tradução ou interpretação, baseando-se no seu processo de domínio da língua e códigos que lhe são estrangeiros, na reconstrução dos valores sociais, ideológicos e culturais. Esses aspectos serão comparados com o processo através do qual os tradutorese intérpretes negociam o sentido da língua de partida e o transpõe para a língua de chegada. Assim, o estudo envolveu estudantes estrangeiros do UNASP campus Engenheiro Coelho que não têm a língua portuguesa como língua materna, buscando analisar suas dificuldades comunicativas e interculturais, bem como sua evolução nas representações socioculturais e linguísticas sujeitas à mudança durante oprocesso de inclusão na sociedade brasileira. O recolhimento de dados foi feito através de um questionário no qual os participantes responderam sobre os déficits culturais e linguísticos experimentados durante o processo de inclusão na sociedade brasileira. Os resultados apontaram que a estadia dos estudantes estrangeiros não falantes nativos da língua portuguesa no Brasil é uma forma de tradução,indicando a pertinência do estudo para estrangeiros interessados na língua e cultura brasileiras, para professores brasileiros de língua portuguesa para estrangeiros, no Brasil, como também para os responsáveis por programas de intercâmbio que poderão se beneficiar das experiências vividas pelos estudantes estrangeiros que vivem no Brasil. Palavras chave: Estudantes Estrangeiros; Português como...
tracking img