A entrada do comercio exterior nas empresas de pequeno porte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1177 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Leia os Textos I e II, a seguir, para responder às questões de 1 a 4.Texto IDesabafoDeixa, deixa, deixaEu dizer o que penso dessa vidaPreciso demais desabafarEu já falei que tenho algo a dizer, e disseQue falador passa mal, e você me disseQue cada qual vai colher o que plantouPorque raiz sem alma, como Flip falo, é tristeA minha busca na batida perfeitaSei que nem tudo tá certo, mas com calma seajeitaPor um mundo melhor eu mantenho a minha féMenos desigualdades, menos tiro no péAndam dizendo que o bem vence o malPor aqui vou torcendo pra chegar no finalÉ, quanto mais fé, mais religiãoA mão que mata, reza, reza ou mata em vãoMe contam coisas como se fossem corposOu realmente são corpos, todas aquelas coisasDeixa pra lá eu devo tá viajandoEnquanto eu falo besteira nego vai sematandoEntãoDeixa, deixa, deixaEu dizer o que penso dessa vidaPreciso demais desabafar | Ok, então vamo lá, dizTu quer paz, eu quero tambémMas o estado não tem direito de matar ninguémAqui não tem pena de morte, mas segue opensamentoO desejo de matar de um Capitão NascimentoQue sem treinamento se mostra incompetenteO cidadão do outro lado se diz impotente, masA impotência não é uma escolha tambémDe assumir aprópria responsabilidadeHein??Que você tem a mente, se é que tem algo emmentePorque a bala vai acabar ricocheteando na genteGrandes planos, paparazzo demaisO que vale é o que você tem e não o que você fazCelebridade é artista, artista que não faz arteLava a mão como Pilatos achando que já fez suaparte.Deixa pra lá, eu continuo viajandoEnquanto eu falo besteira nego vai, vaiEntão deixa...(Marcelo D2)|

Texto II
R$520 por uma vida
Eram 16h06 do dia 9 de agosto quando Fábio de Souza do Nascimento morreu de insuficiência respiratória. Ele viveu 14 anos, com os pais e a irmã, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.
Gostava de pipa e videogame, de desenho animado e futebol. Torcia pelo flamengo. Adorava churrasco e misto quente. Sonhava em ser motorista de caminhão. Um mês depois desua morte, a pipa rosa que Fabinho gostava de empinar está presa na parede, na entrada da sala do sobrado humilde de seus pais. É o símbolo de uma vida interrompida, de um drama familiar – e também de um crime. Intimadas pela justiça a fornecer a Fabinho um balão de oxigênio que poderia ter lhe salvado a vida, ao custo de R$ 520 por mês, autoridades dos governos federal, estadual e municipaldiscutiram, procrastinaram, ignoraram a determinação judicial até que fosse tarde demais.
(Revista Época. 13/09/2010)
1. Assinale a alternativa que apresenta expressões no nível informal da linguagem.

a- Eu já falei que tenho algo a dizer, e disse.
b- Andam dizendo que o bem vence o mal.
c- Por aqui vou torcendo pra chegar no final.
d- O cidadão do outro lado se diz impotente, mas.
e- Eu dizero que penso dessa vida.
2. A relação vida e morte é banalizada ao longo do Texto II. Assim sendo, assinale a alternativa que apresenta duas passagens que mostram claramente essa relação no Texto I.

a- Eu dizer o que penso dessa vida/Por aqui vou torcendo pra chegar no final.
b- A impotência não é uma escolha também/A minha busca na batida perfeita.
c- Andam dizendo que o bem vence o mal/Quecada um vai colher o que plantou.
d- Tu quer paz, eu quero também/Me contam coisas como se fossem corpos.
e- Lava a mão como Pilatos achando que já fez sua parte/Grandes planos, paparazzo demais.

3. Assinale a alternativa em que a ideia de violência contra o ser humano, contida no Texto I, é mostrada no Texto II de forma não aparente.

a- É o símbolo de uma vida interrompida, de um dramafamiliar – e também de um crime.
b- Intimadas pela justiça a fornecer a Fabinho um balão de oxigênio que poderia ter lhe salvado a vida, ao custo de R$ 520 por mês, autoridades dos governos federal, estadual e municipal discutiram, procrastinaram, ignoraram a determinação.
c- Um mês depois de sua morte, a pipa rosa que Fabinho gostava de empinar está presa na parede, na entrada da sala do...
tracking img