A ditadura da beleza

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 218 (54401 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DEDICATÓRIA

Dedico este livro a você, ____________________________________.
Com ele, desejo que descubra que cada ser humano possui
uma beleza física e psíquica original e particular.
Aprenda diariamente a ter um caso de amor
com a pessoa bela que você é, desenvolva
um romance com a sua própria história.
Não se compare a ninguém, pois cada um
de nós é um personagem único no teatro davida.

_______________________ ___/___/___

AUGUSTO CURY

A D ITADURA
D A BELEZA
e a revolução
d as mulheres
romance

SEXTANTE

Copyright © 2005 por Augusto Jorge Cury
Todos os direitos reservados.

EDIÇÃO: Regina da Veiga Pereira
REVISÃO: Débora Chaves, José Tedin Pinto e Sérgio Bellinello Soares
PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO: Marcia Raed
CAPA: Raul Fernandes
FOTOLITOS: R RDonnelley
IMPRESSÃO E ACABAMENTO: Lis Gráfica e Editora Ltda.

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE
SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ
C988d

Cury, Augusto Jorge, 1958A ditadura da beleza e a revolução das mulheres / Augusto Jorge
Cury. - Rio de Janeiro : Sextante, 2005.
ISBN 85-7542-198-0
1. Beleza física nas mulheres - Ficção. 2. Mulheres - Conduta Ficção. 3. Relaçõeshomem-mulher - Ficção. 4. Ficção brasileira. I.
Título.

05-2979

Todos os direitos reservados, no Brasil, por
GMT Editores Ltda.
Rua Voluntários da Pátria, 45/1.404 - Botafogo
22270-000 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2286-9944 - Fax: (21) 2286-9244
E-mail: atendimento@esextante.com.br
www.sextante.com.br

CDD 869.9 3
CDU82L134.3 (81)-3

PREFÁCIO

Durante mais de duas décadas tenhoinvestigado como

psiquiatra e pesquisador da psicologia a última fronteira da ciência: o
mundo onde se constroem os pensamentos e são geradas a inteligência
e a consciência. E, apesar de ser considerado um autor de sucesso e de
ter meus livros publicados em dezenas de países, não me sinto um
profissional realizado, pois tenho enxergado um massacre emocional
nas sociedades modernas que vem metirando o sono e perturbando a
minha tranqüilidade.
Por pesquisar a mente humana e tratá-la, tenho denunciado
esse massacre sutil e sórdido em congressos nacionais e
internacionais. Agora chegou a vez de escrever sobre ele. Preferi
escrever em forma de ficção em vez de produzir um texto de
divulgação científica, pois sinto necessidade de recriar imagens
inesquecíveis que estão na minhamente. Imagens de pessoas que
dilaceraram seu prazer de viver e sua liberdade.
Cada capítulo é um grito que ecoa da minha alma. Usei dados
reais na construção deste romance. Através de emoções intensas e de
aventuras excitantes, meu objetivo é dissecar um câncer social que tem
feito literalmente centenas de milhões de seres humanos infelizes e
frustrados - em especial mulheres e adolescentes.Vivemos aparentemente na era do respeito pelos direitos
humanos, mas, por desconhecermos o teatro da nossa mente, não
percebemos que jamais esses direitos foram tão violados nas
sociedades democráticas. Estou falando de uma terrível ditadura que
oprime e destrói a auto-estima do ser humano: a ditadura da beleza.
Apesar de serem mais gentis, altruístas, solidárias e tolerantes do que
oshomens, as mulheres têm sido o alvo preferencial dessa dramática
ditadura. Cerca de 600 milhões de mulheres sentem-se escravas dessa
masmorra psíquica. É a maior tirania de todos os tempos e uma das
mais devastadoras da saúde psíquica.
O padrão inatingível de beleza amplamente difundido na TV,
nas revistas, no cinema, nos desfiles, nos comerciais, penetrou no
inconsciente coletivo das pessoas e asaprisionou no único lugar em
que não é admissível ser prisioneiro: dentro de si mesmas.

Tenho bem nítida na mente a imagem de jovens modelos que,
apesar de supervalorizadas, odiavam seu corpo e pensavam em desistir
da vida. Recordo-me de pessoas brilhantes e de grande qualidade
humana que não queriam freqüentar lugares públicos, pois se sentiam
excluídas e rejeitadas por causa da...
tracking img