Winnicot

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2485 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Winnicott ( 1896-1971)




Biografia:

- D. Winnicott nasceu em Plymouth- Inglaterra.
- Sempre foi cercado por mulheres: mãe e irmãs. Era filho único.
- Uma criança que sempre foi amada e um aluno brilhante.
- Teve uma infância feliz com todas as experiências.
- 1920- Se forma em medicina e foi para I guerra mundial servir e lá formula algumas de suas idéias sobre o funcionamento davida mental de pessoas envolvidas em algum conflito e que vivenciaram situações traumáticas.
- Na II segunda guerra, foi consultor para uma região da Inglaterra que recebia crianças e adolescentes evacuados de Londres e acolhidos em instituições. Aqui permitiu a ele formular o conceito de tendência anti- social ao estudar os efeitos da separação de crianças e adolescentes da família. Adelinquência em sua visão, seria uma tendência anti-social que segundo ele não foi tratada.( período da adolescência)
- 1923 Inicia sua análise pessoal com James Strachey, quem traduziu as obras de Freud para o inglês.
- No mesmo ano, começa a trabalhar no hospital infantil.
- Foi seguidor de Freud e Melanie Klein e presidente da Sociedade Britânica de Psicanálise.
1934- Conclui sua formação em análiseem adultos
1935- Analista de crianças.

Obra:
- Winnicott diante do elevado número de atendimentos, dedicou-se a produzir formas de atendimento que pudessem atender toda demanda. Estudou formas de utilizar o espaço terapêutico de forma mais produtiva. Desenvolveu o “ Jogo de Rabisco” e a “ Consulta Terapêutica”. Dizendo a possível tuilização de uma análise Standard,se não faz algo orientadoanaliticamente, tornava sua consulta significativa.
- A importância da existência de uma preocupação materna primária. Incluindo as funções de holding (sustentação) e handling( manejo) e a apresentação de objeto ( a disponibilidade da mãe para as demandas de seu bebê, quando e como ele necessitar), a mãe desenvolve essa preocupação denominando-a como mãe suficientemente boa, mãe devotada ou umambiente facilitador.
- Segundo Winnicott não existe bebê se não houver uma mãe, assim como não pode existir uma mãe sem um pai.
- As modificações no setting que o autor propõe dizem a pacientes que sofreram falhas ambientais nas primeiras etapas do desenvolvimento, sendo uma metáfora de cuidados maternos. Nesse espaço potencial ou transicional é que surgirão elementos criativos, espontâneos econcepções novas, cheias de surpresas, indagações e paradoxos.



A relação mãe-bebê

- “Os cuidados maternos com o próprio bebê são inteiramente pessoais, uma tarefa que ninguém pode realizar tão bem quanto a mãe” (Winnicott)


- Para Winnicott desde as primeiras sensações vividas pelo bebê na vida intra uterina, já começa a definir sua forma de relação com a mãe.
- No nascimento inicia-seesse contato e é nesse vínculo que vai se construir os alicerces da personalidade infantil, os cuidados maternos, pois é nesse encontro entre o bebê e sua mãe que vai se estabelecer a forma de relação que se instalará entre eles.
- A fase inicial de vida do bebê até os seis meses é caracterizada por uma dependência absoluta à mãe, ou seja, a mãe manté a ilusão de onipotência necessária,gradualmente quando a criança puder lidar com a incompletude,de acordo com o desenvolvimento de seu ego, a mãe vai desiludindo seu bebê,depois dos seis meses ele passa a ter uma dependência relativa, com a desilusão gradual por parte da mãe em relação ao filho, o bebê vai ocupando um espaço separado e personalizado( começando haver identidade).
- No caso de invasões excessivas, o estado de narcisismoprimário não pode produzir um indivíduo que se desenvolve, mas sim uma casca- um falso self.
- Os fracassos ambientais são sentidos como ameaças á existência pessoal e as angústias que o acompanham são impensáveis. Promovendo a sensação de despersonalização, perda da capacidade de relação objetal, psicose- desintegração.
- Patologia do falso- self: rompimento dos processos interacionais, não...
tracking img