Vital brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6524 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capitulo 6
Fisiologia da Motricidade

Curso de Ciências Biológicas 2010 Disciplina de Fisiologia Comparada Ciclo de Neurofisiologia
Departamento de Fisiologia, IB Unesp-Botucatu Profa. Silvia M. Nishida

121

FISIOLOGIA MUSCULAR E SISTEMAS MOTORES

MOVIMENTO

Tendemos a pensar que movimento é um conceito mais associado ao deslocamento do
organismo de um lugar para o outro.Entretanto, os animais de vida séssil também realizam
movimentos isolados de partes do corpo, propelindo alimento ou fluidos através das suas partes
internas (como as esponjas e as ascídias).
Podemos reconhecer os seguintes padrões de movimentos:
a) Movimento amebóide. Corresponde a mudanças de forma da célula envolvendo o fluxo de
citoplasma e a formação de pseudópodes. Quando uma ameba se move,seu citoplasma flui entre os
prolongamentos celulares recém formados que se expandem e se avolumam gradualmente. Novos
pseudópodes são formados na direção do movimento. Durante o process o, o citosqueleto
ectoplasmático (formado de actina, miosina e outras proteínas) é fragmentado aumentando,
localmente, a pressão osmótica. Como conseqüência o endoplasma é arrastado a favor do gradienteosmótico formando o pseudópode.

b) Movimento ciliar/flagelar: é o modo mais típico de locomoção dos protozoários ciliados ou
flagelados, no entanto, os animais metazoários também possuem células ciliadas nos epitélios que
movimentam mucos ou outros fluidos e células flageladas (espermatozóides).

Curso de Ciências Biológicas 2010 Disciplina de Fisiologia Comparada Ciclo de NeurofisiologiaDepartamento de Fisiologia, IB Unesp-Botucatu Profa. Silvia M. Nishida

122

Os cílios e flagelos possuem organização
estrutural semelhante, mas a diferença está no padrão
de batimento. O flagelo de espermatozóide p.e, bate
com uma ondulação simétrica ao longo de toda cauda.
Já um cílio bate de modo assimétrico com uma batida
rápida, como uma chicotada, em uma única direção
(linhas cheias),seguida por um movimento mais lento
de recuperação (linhas tracejadas). Por causa desse
O batimento flagelar propulsiona a água paralelamente
ao eixo principal do flagelo e o movimento ciliar
propulsiona a água paralelamente à superfície de
inserção.

movimento

o

fluido

em

volta

é

deslocado

paralelamente ao eixo do flagelo (seta); em relação ao

movimento ciliar, ofluido é movimentado perpendicularmete ao batimento ciliar (seta). Os
mecanismos causais dos movimentos ciliares são especulativos, mas a excitabilidade da membrana
celular e o fluxo de correntes de Ca++ são essenciais para determinar o sentido do batimento ciliar e
como conseqüência, a direção de movimento paramécio.

c) Movimento muscular: os animais maiores lançam mão de célulasespecializadas, os miócitos
que possuem proteínas contráteis e, quando em atividade, geram tensão mecânica. Conforme o
arranjo dessas células os animais metazoários movimentam-se, estabilizam articulações ósseas, ou
então, propelem os fluidos corporais dentro de órgãos tubulares (intestino ou vasos). Conforme o
controle sobre a musculatura esquelética é possível a mais sutil expressão motora, atoscomplexos
como escrever, dançar, praticar esportes ao mais simples movimento como o ato de piscar. O
repertório motor de uma espécie depende do número de grupos musculares e dos mecanismos de
controle da motricidade. Todas as fibras musculares, sem exceção, são eletricamente excitáveis e
gastam energia metabólica para gerarem a tensão mecânica.

Os tipos de fibras musculares

No interior dasfibras musculares, tanto de vertebrados como de invertebrados, há proteínas
que promovem a geração de tensão mecânica, ou seja, que promovem a contração. Baseado no
modo como as proteínas contráteis estão dispostas, as fibras musculares podem ser classificadas
conforme o padrão de estrias observadas ao microscópio óptico. Nos vertebrados reconhecemos
três tipos de fibras musculares: fibras...
tracking img