Versos obscuros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4162 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
segunda-feira, 18 de abril de 2011
Tempo perdido

Depois de muito tempo desisto da morte
Não tenho certeza se isso foi sorte
Assim como não sei ao certo se te amar
Poderia ser considerado talvez azar

Pois perdi dias e meses a me magoar
Esquecendo o mundo, somente em ti a pensar
Mesmo assim, não posso me arrepender
Pois com isso muito tive a aprender

Aprendi que devo o que sintofalar
E mostrar o mais rápido possível quando eu amar
para o mesmo erro não mais cometer
E com esses erros tiver de viver

Agora estou pelo mundo a procurar
Algo ou alguém pra me reanimar
Talvez alguém me faça esquecer
Talvez a minha vida apenas eu deva viver

Mesmo que esse dia nunca venha a acontecer
Aproveitaria tudo sem mais tempo a perder
E para sempre terei de lembrar
De todo essetempo que perdi a te amar

Ewerton H. Marschalk

Postado por EwertoN às 15:00:00 2 comentários

domingo, 9 de janeiro de 2011

Sinto falta de você...
do seu sorriso que me fazia sorrir.
dos seus olhos
que me faziam enxergar.
Sinto falta de você...
da sua boca que me
fazia falar.
dos seus pés que me faziam caminhar.
Sinto falta de
você...
Do seu cheiro que me fazia respirar.dos seus beijos que me
faziam flutuar.
Sinto falta de você...
do seu amor que me
fazia crescer.
Da sua vida que me fazia viver.

Ewerton H. Marschalk

Postado por EwertoN às 22:56:00 3 comentários

Derramarei a última gota vermelha
na estrada da ilusão
deste sangue que goteja
demarcando uma paixão.

Cada gota, um esquecimento
em cada esquecimento ,uma dor...
em cada dor,um pedido de socorro,
em cada gota, o amor.

Brotará neste chão manchado
rosas repletas de espinhos,
que se alimentarão de cada gota do meu
sangue gotejado no caminho.

Gota por gota
respingando em desalinho,
regando as rosas negras
que brotaram no caminho.

Cada gota, um esquecimento,
em cada esquecimento, uma cicatriz
das rosas negras que brotaram dentro
do meu peito criando tuaraiz.

Ewerton H. Marschalk

Postado por EwertoN às 22:52:00 0 comentários

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

É tarde
você está sozinha
e não há nada e nem ninguém com você
apenas seus pensamentos...
O breu toma conta de todos os lugares ao seu redor...
Pela primeira vez
você se sente totalmente em paz
mas pela enésima vez
totalmente triste e melancólica...
Você se fazperguntas
E o silêncio é a única tentativa de resposta...
Não há mais nada
apenas você
jogada em um quarto escuro...
Seus braços sangram
você tenta esquecer toda a dor
não de seus próprios cortes,
mas de seus sentimentos...
Mas toda tentativa é em vão
você não consegue ficar um único momento
sem pensar em sua maldita vida
algo que já começou errado
não haveria mesmo de ir bem...
Como numfilme
você volta a cada fato importante de sua vida
e percebe que seu destino anda em círculos
coisas ruins indo e voltando...
e que é algo que não tem mais como reverter...
Não seria melhor então acabar com tudo isso?
Com todo esse ciclo de coisas negativas
que só atrapalham os poucos momentos
que você consegue ter de felicidade?
Tudo que ainda existia de bom,
se foi...
Por algo que nãoterá futuro
e um presente incerto...
Você pensa então:
Por que não fugir de tudo isso?
Mas a insegurança te persegue
e você já não tem certeza de mais nada.
Nem mesmo da vida
Se é que ela um dia existiu pra você...

Ewerton H. Marschalk

Postado por EwertoN às 20:23:00 1 comentários

Um céu feito de mármore
Apenas desertos em meu jardim
Soluços eternos para minha pessoaRapidamente o que quero agora é você

Não me diga que tudo foi...
Lhe direi que existem maneiras
O adeus é continuo na vida
Nós damos adeus todos os dias antes de dormir

Um céu feito de mármore,escuro aqui
Abra os olhos para o que não vê

O mar esfria o céu já não sei
O carro percorre o que caminha
As formas se perfazem
Já não sei mas quem sou
Sinto apenas as mil flechas da beleza......
tracking img