Variedades linguisticas no meio social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1096 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]






















































































SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

DESENVOLVIMENTO 4
2. – Variações Linguisticas 4
2. exemplo de apoio...................................................................................................4
2.1 - Charge ChicoBento na Roça...............................................................................4

3.1 como as variações de linguagem afeta o meio social......................................5
3.1..............................................................................................................................6

4 CONCLUSÃO 7

REFERÊNCIAS 8

INTRODUÇÃO


A cada estagio devida podemos fazer uma analogia entre as áreas de aprendizagem lingüística natural e adquirida, sendo natural definida como a linguagem que aprendemos para nos comunicar sem dificuldade, de forma simples. E a adquirida é a forma que aprendemos na escola, uma linguagem formal, com regras e definições. E depois de aprendermos, convivermos com pessoas diferentes que aprenderam da mesma forma as duaslinguagens citadas acima podemos perceber varias diferenças que são classificadas como diafásica, diastrática, diatópica... Dentre elas citarei as formas diastráticas e diatópicas e poderemos perceber como essas variações interfere a vida social de uma pessoa, comunidade, população que varia de região, estrato social, faixa etária entre outros.





Variações linguisticas

Apesar de seremvárias as classificações linguagem e que citarei duas que são explicadas da seguinte forma:
Diastráticas: Referem-se aos diferentes grupos sociais. São variações de acordo com a faixa etária, estrato social, o gênero, a profissão assim por diante. Temos como exemplo o modo de falar dos jovens (maneiro, irado) e pessoas mais velhas (bacana, legal). Editora ABDR, Strecker Heide, Comunicação eLinguagem.
De um outro ponto Ronald Beline (2006, p, 125) explica que variação diastrática,” entende-se as variações que a língua apresenta no nível socioeconômico do falante”. Ou seja, são as variações que ocorrem de um grupo social para o outro. Assim, fatores tais como sexo, faixa etária, condição socioeconômica, profissão, religião e até mesmo convicções político-partidárias e esportivas, entreoutros, condicionam mudanças no uso efetivo da língua. (Fonte: http://www.webartigos.com/articles/38743/1/AVARIACAODIASTRATICA/pagina1.html#ixzz0zAtNMPsV). Podemos ver um outro exemplo visual dessa variação lingüística no quadro abaixo:
[pic]
O vídeo no site HTTP:/WWW.yotube.com.br
Diatópicas: as variações diatópicas são as diferenças regionais. Referem -se às diferenças apresentadas pelo modo deexpressão local. Podem ocorrer tanto no vocabulário quanto na sintaxe. Podemos observar da seguinte forma, o mesmo legume é conhecido nas diferentes regiões do Brasil como mandioca, macaxeira ou aipim.(diferença no vocabulário) em algumas regiões é comum dizer “sei nao”, em lugar de “não sei” (diferença na sintaxe) Editora ABDR, Strecker Heide, Comunicação e Linguagem.

Essas variações foramsurgindo no decorrer dos tempos, na evolução gramatical SEGUNDO SAUSSURE. (2006, p, 221) “é o fenômeno de uma língua que sofrer variações ao longo do tempo, do espaço geográfico, do espaço ou estrutura social, da situação ou contexto de uso”. Isso significa dizer que uma língua está sujeita a reajustar-se no tempo e no espaço para satisfazer às necessidades de expressão e de comunicação, individualou coletiva, de seus usuários e principalmente no nível da língua (sons, morfologia, sintaxe e léxico). (Fonte: http://www.webartigos.com/articles/38743/1/AVARIACAODIASTRATICA/pagina1.html#ixzz0zAtNMPsV).

2.1. – Como As Variações da Linguagem Afeta o Meio Social

A todo o tempo cruzamos com pessoas que moram em regiões diferentes que possui outro sotaque, nos comunicamos com outro grupos...
tracking img