Ultrassom

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2371 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A spect G erai do pectos s A s os G erai do s D espreparo de Fi i erapeutas preparo de Fi i erapeut s ot as D es s ot para o M anusei ei para o M anus o o do U lra-Som Terapêuti t Som Terapêutco i do U lrat co
Fábio Borges 1

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
SITUAÇÃO PROBLEMA: - O fisioterapeuta brasileiro é preparado para o uso do ultra-som???? - Oultra-som disponível no Brasil garante ao fisioterapeuta êxito em sua atuação profissional???? - Até que ponto bons resultados terapêuticos podem ser creditados ao ultra-som????
Fábio Borges 2

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

BIOFÍSICA 1) Reflexão A onda emitida volta ao meio de origem, conservando sua freqüência e velocidade
raio incidente raio refletidosuperfície

Ocorre com impedância acústica diferente nos meios (Borges, 2006; Guirro & Guirro, 2002; Kottke & Lehmann, 1994; Hoogland, 1986)
Fábio Borges 3

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
Reflexão ocorrida em alguns limites entre interfaces com impedância acústica diferentes: - Alumínio – ar 100% - Alumínio – substância de acoplamento 60% - Substância deacoplamento – pele 0,1% - Pele – tecido subcutâneo ( gordura) 0,9% - Água – tecido subcutâneo (gordura) 0,2% - Tecido subcutâneo (gordura) – tecido muscular 0,8% - Tecido muscular – tecido ósseo 34,5% - Pele – ar 100%
Fonte: Hoogland, 1986
Fábio Borges 4

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

- Cabeçote sempre acoplado ao ser ligado o ultra som
Fábio Borges 5 D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
2) EFEITO PIEZOELÉCTRO - Pressão aplicada em em materiais policristalinos produzem-se mudanças elétricas na superfície externa desse material promovendo mudanaçs em sua espessura (Hoogland, 1986)

- Cristais de Titanato Zirconato de Chumbo (PZT) ou
Titanato de Bário

Fábio Borges

6

D es preparo de fs ot i ierapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
3) CAVITAÇÃO (Borges, 2006; Guirro & Guirro,, 2002; Kottke & Lehmann,, 1994; Young, 1998; Garcia, 1998) Guirro Lehmann - Estável - Instável Obs.: A cavitação estável pode ser visualizada

Fábio Borges

7

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

Fábio Borges

8

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- omas ei t s

Fábio Borges

9

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
4) CAMPO PRÓXIMO / DISTANTE (Michlovitz,, 1996; Kottke & Lehmann,, 1994; Young, Michlovitz Lehmann
1998; Hoogland, 1986)

- Z. Fresnel - Z. Fraunhoffer

alta BNR baixa BNR

Campo distante

Fábio Borges

10

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

Hotpoints

Campo prox. Campo dist.

Fábio Borges

11

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

ÁREAS DE PICO DE INTENSIDADE (ALTA BNR)

Fábio Borges

12

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s

ÁREAS DE PICO DE INTENSIDADE (ALTA BNR)

Fábio Borges

13

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei ts
PROPRIEDADES DO ULTRA SOM TERAPÊUTICO ondas sonoras
PZT

- Área de Radiação Efetiva (ERA) - onde há emissão de

ULTRA SOM

ERA

Fábio Borges

14

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
- Regime de emissão de Ultra Som: * Contínuo * Pulsado CARACTERÍSTICAS: Modo Contínuo * Ondas sônicas contínuas * Sem modulação * Efeito térmico Modo Pulsado * Ondassônicas pulsadas * Modulação em amplitude * Efeito térmico minimizado

Fábio Borges

15

D es preparo de fs ot i i erapeut no m anus o do ulra- om as ei t s
• Quase todos os aparelhos de ultra som tem uma frequëncia de repetição dos pulsos (no modo pulsado) fixa em 100 Hz • Em alguns aparelhos microprocessados pode-se encontrar frequências de 16 Hz e 48 Hz. • O modo pulsado pode ajustar-se...
tracking img