Turismo sexual

INTRODUÇÃO

O turismo é uma das principais atividades econômicas no mundo globalizado. Este setor é constituído de diversos segmentos, dentre os quais se destacam: turismo de lazer, aventura,ecoturismo, eventos, negócios, fonte de prazer e lazer para quem usufrui, além de ser gerador de renda, desenvolvimento socioeconômico e cultural para quem o produz. No entanto, há um exemplo de Turismoque não pode ser considerado simplesmente um segmento.
O Turismo Sexual surge de forma não planejada decorrente de problemas sócio econômicos. É triste percebermos que uma atividade tão dinâmica,possa, em certos casos, estar associado a práticas ilícitas, como o do chamado “Turismo Sexual”, onde pessoas ou grupos buscam aventuras eróticas.
O conteúdo deste estudo tem como objetivo fazer umareflexão sobre Turismo Sexual no qual significa a exploração de meninos, meninas, adolescentes e jovens por visitantes, em geral, procedentes de países desenvolvidos ou mesmo turistas do próprio país,envolvente à cumplicidade.
por ação direta ou omissão de agências de viagem e guias turísticos, hotéis, restaurantes e outros, esta realidade tão presente em nossa sociedade e ao mesmo tempo tãosilenciada, que a nosso ver deve merecer maior atenção dos setores competentes.
O Turismo Sexual está cada vez mais difundido, principalmente pelos europeus que visitam países ainda não tão desenvolvidoscomo o Brasil, à procura de mulheres (jovens e até adolescentes e crianças), para a realização de suas fantasias sexuais.
O Brasil, por ser um país com ampla riqueza natural e diversidades regionaisconsegue reunir tantos atrativos turísticos, com beleza e sedução incomparáveis, acrescido ainda de todo o seu processo histórico-cultural que dá uma beleza única ao seu povo. Todos esses atrativosfazem com que o Brasil entre na rota dessa vergonhosa atividade chamada de “turismo sexual”, principalmente as regiões Norte e Nordeste.
Um dos caminhos possíveis para minimizar esse problema social...
tracking img