Tres porquinhas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1444 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
NARRADOR – Era uma vez…a muito tempo atras AS TRÊS PORQUINHAS!

Numa distante e misteriosa floresta moravam três porquinhas…
Até que um dia…
Não moravam mais, estavam sem casa!…
Mas o que aconteceu?

(Música triste, começa alta e vai abaixando).

NYCE - Não acredito que isto está acontecendo! Fomos despejados! Fomos colocados na rua e não temos onde morar! Que vergonha! JAJÁ, afinal,o que você fez com o dinheiro que eu te dava todos os meses pra pagar o aluguel?
JAJA – Sabe o que é NYCE… é… Eu estava sempre cansado e mandava o SASA pagar o aluguel pra mim…
NYCE – Você pediu pra SASA, esta preguiçosA? SASA, e o que você fez com o dinheiro do aluguel?
SASA – Sabe o que é … é… é… Mim punhava a grana no bolso e quando mim passava em frente a padaria e via aqueles doces,aquelas tortas deliciosas piscando pra mim e me chamando… ah, eu num güentava me segurar!…
NYCE – Não é “mim punhava”, é “eu punha a grana no bolso”!
SASA– NYCE! Ocê também? Ahá… Bem que eu “disconfiava”…
PEDRITO – Não é nada disso, eu estou só te corrigindo, você fala tudo errado!… Ah, deixa pra lá…
JAJA e SASA – (começam a chorar) Buááá… E agora? Que vamos fazer? Nós vamos virar meninos de rua!NYCE – Vocês querem dizer porquinhos de rua, né? Parem! Parem de chorar, eu tenho solução!
JAJA – Solução? Hiic! Quando eu tenho solução, hiiic! …eu bebo um copão de água que pára…
NYCE – Não estou com soluço grande, eu disse que tenho uma maneira de resolver este problema, entendeu? Dãããã!…
JAJA – Captei seu pensamento! Nós vamos entrar pro Movimento dos Sem Terra!
jaja e SASA – Queremosterra! Queremos terra! (Marcham em volta de NYCE de punho erguido).
NYCE – Parem! Não é nada disso… Aqui está a solução! (mostra um papel enrolado).
SASA – Que isto, é um talão de cheque? Oba! Vamos pra padaria!
NYCE– Você só pensa em comer?
SASA – Não! Em beber “tamém”!
JAJA – Já sei, é um “telescópico” pra ver a lua! (Olha dentro do rolo) Mas pra quê? Eu não vou morar na lua!
NYCE– Paremde falar besteira e me escutem! Quando nossos pais morreram… Ai… não posso lembrar deles que me dá vontade de chorar…
SASA – Ô Palito, me responde uma coisa: Por que a gente nunca foi no “cimitero” visitar o “túmbalo” dos nossos pais?
JAJA– Ô “seu” bobo, eles não foram pro cemitério não, eles foram levados pro açougue… se liga, irmão!
SASA– Bué… bué… Coitadinho do papai, virou bacon…
JAJA – Ea mamãe, virou pururuca!… Buááá… (Se abraçam chorando).
NYCE – Vocês querem me escutar, por favor? Como eu estava dizendo, nossos pais deixaram uma terra para nós, mas temos que encontrá-la e isto aqui é o mapa.
JAJA – Oba! Vamos brincar de caça ao tesouro!
NYCE– Não é brincadeira não, é sério! Nós precisamos achar o lugar. Vamos!

(Música alegre – começa alta e vai abaixando

– Dão umavolta em torno do palco, gesticulando sempre, olham o mapa, apontam para um lado, pro outro…).
SASA – Ai, que “pigriça”… Ainda tem que andá muito?
NYCE – É aqui! Nossa terra é aqui!
SASA e PALITO – Êêê… (Brincam de roda, festejando).
NYCE – Agora só precisamos construir nossa casa!
SASA e PALITO – O quê? Construir? Fala séééério!!!
NYCE– Até você está com preguiça, PALITO? Você pegou apreguicite do PALHAÇO?
SASA – (Sacudindo o Palito) Pegou o quê? “Pigricite”? É de “cumê”? É minha, me dá, me dá!…
JAJA – Paaara! Então vamos construir rápido nossa casa que eu quero descansar…
SASA – Eu já tô cansado só de pensar…
JAJA – Vamos construir aqui mesmo. A casa vai ser de pau, que é mais fácil…
SASA – Fácil? Fala sério! Eu vou construir é de palha, que é muito mais leve!
NYCE – Vocêssão muito preguiçosos! A casa tem que ser forte pra agüentar qualquer coisa, tem que ser de pedra! (SASA e JAJA discordam e os três discutem).
NYCE – Chega! Vamos parar de brigar! Cada uma constrói a sua e pronto!
JAJA – Ótima idéia! Eu vou construir minha casa de pau aqui mesmo.
SASA- Ah, não, esta terra tá dura… Vou construir minha casa de palha é aqui… Nesta areia fofinha! Eu sou muito mais...
tracking img