Trabalhos faculdade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1334 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÉTICA


ETHOS para Homero e Hesíodo significa “habitat, moradia, toca de animais, refúgio, estábulo”

ETHOS para filósofos pós-socráticos significa “caráter, hábito, índole, natureza, costume”.
Diz respeito ao comportamento que resulta um constante repetir-se de atos que visam ao bem comum.

Ética é a educação da vontade, para podermos distinguir o bem do mal. Construção do viver junto,do conviver.

Com isso, podemos falar de ética Normativa (Kant) e ética Não-normativa (Espinosa)
A 1ª lida com deveres e obrigações, a 2ª com as ações e paixões tendo em vista a felicidade.

A pior das penalidades por transgressão às leis não é a morte, mas sim o banimento, a exoneração.
Para algumas sociedades fechadas, a pessoa não morreu, simplismente nunca existiu...

MORAL:

MOR –MORES: na tradição latina significa “norma, costume, regra”
A partir disto, não só nasce os costumes, mas os bons costumes.

Toda Moral é normativa, isto é, determina um repertório de comportamento, costumes e valores que visam perpetuar uma determinada organização social. Constitui um sistema fechado, onde não há espaço para o imprevisível, o aleatório e a criatividade. Consequentemente hárepetição, conservação e exaltação do passado.

ETICIDADE: Ser ético

- percepção dos conflitos
- autonomia
- coerência (deve haver coerência entre falar e fazer )
- liberdade: “capacidade de criar o possível, o novo”
- Não violência: tratar o outro como sujeito, com dignidade, respectere (respeito) que significa manter a distância.
- Violência: tratar o outro comoobjeto


Bertrand Russel (maior filósofo deste século) afirmou que moral é uma questão de geografia. O que é moral na Índia pode ser imoral na Inglaterra e vice-versa.
Mais que uma questão de geografia, é uma questão temporal. O tempo que passa muda as regras morais.

Ex: Igreja católica:
- antes: contra qualquer tipo de contracepção
- depois: já admite alguns métodos.ÉTICA E NORMAS JURÍDICAS



O convívio social se faz através de normas jurídicas (leis e regulamentos) além da ética.
Nem sempre o que é legal (norma jurídica) deve ser confundido com o que é ético.
A diferença entre a decisão ética e as diretrizes e limites dados pelas normas jurídicas pode ser definida pela análise da situação da tomada de decisão como por ex:

“Houve um grave acidente emuma rodovia e chegaram ao Pronto Socorro do hospital de uma cidadezinha, três pessoas que estão clinicamente em grave perigo de vida. O 1º, homem, 47 anos de idade, motorista de caminhão apresenta cirrose hepática. O 2º, mulher, 14 anos e o 3º, homem de 76 anos. Após avaliação das condições vitais, é mostrado que os 3 nivelam-se quanto à gravidade clínica, necessitando de respiração artificial,porém, neste pronto socorro, há apenas 1 aparelho para esta finalidade”.

A quem deve ser dada a prioridade do uso do aparelho?


ÉTICA E NORMAS DEONTOLÓGICAS


Deontologia: Ciência dos deveres. Conjunto de normas que indicam como devem se comportar indivíduos profissionais. É chamada “Ética Profissional”.
Nos ensina o que “deve ser” e o que não se pode fazer, as normas começam geralmente como advérbio “não”.
No Brasil, todos os profissionais são obrigados a se filiarem a uma associação de classe que seguem um Código de Ética Profissional.

No estudo do Código de Ética:
- Antes: profissionais se empenham em melhorar as condições de saúde da coletividade, tendo em vista a visão da pessoa como indivíduo.
- Depois: profissionais se empenham em melhorar as condições de saúdeda coletividade, tendo em vista a visão da pessoa. como ser humano, possuidor de direitos morais.





AUTONOMIA E CONSENTIMENTO ESCLARECIDO


Autonomia: autodeterminação, autogoverno, poder da pessoa humana de tomar decisões que afetem sua vida, sua saúde, sua integridade físico-psíquica, suas relações sociais.
auto: (próprio) nomos: (lei, regra, norma)...
tracking img