Trabalhos de filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (812 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Protágoras de Abdera - (Abdera, 480 a.C. - Sicília, 410 a.C.) foi um sofista da Grécia Antiga, responsável por cunhar a frase:
"O homem é a medida de todas as coisas, das coisas que são, enquantosão, das coisas que não são, enquanto não são."
PROTÁGORAS É UM DIÁLOGO PLATÔNICO QUE OCUPA-SE COM A NATUREZA DA VIRTUDE, DISCUTINDO, BASICAMENTE, SE A VIRTUDE É OU NÃO ENSINÁVEL.

-O texto começaquando o jovem Hipócrates aparece batendo violentamente à porta da casa de Sócrates, exclamando que Protágoras chegara em Atenas. Devido à inquietude do jovem, Sócrates pergunta se o sofista teria oofendido, e Hipócrates responde: “Sim, pelos deuses, Sócrates; por ser sábio só para si e não me comunicar o que sabe”
-Hipócrates pede a Sócrates, para levá-lo de encontro ao sofista, afim de sereducado pela imensa sabedoria de Protágoras.
-Antes do encontro com o sofista, Sócrates interroga o jovem sobre a natureza do ofício do sofista. Mas o que é um sofista, pergunta Sócrates, afim deidentificar se Hipócrates realmente sabe para quem está entregando sua educação. O jovem afirma que o sofista é um homem cheio de sabedoria, que ensina as pessoas a arte de falar bem.O sofista, é definido porSócrates como um tipo de mercador(a quem você paga), mas que neste caso o que vende é o conhecimento.Chegando até a casa onde Protágoras estava, e no decorrer do diálogo Sócrates descobre que a artea qual Protágoras faz parte é a arte da política.

-Protágoras conta o mito que Zeus preocupado com o futuro da nossa geração e com medo de que ela viesse a desaparecer mandou que Hermes levasseaos homens Pudor e Justiça, como princípio ordenador das cidades e laço de aproximação entre os homens. Pede para que diferente das demais artes essa fosse repartida igualmente entre todos os homens.
Eque o homem incapaz do Pudor e Justiça sofreria a pena capital por ser considerado flagelo da sociedade.

-Protágoras afirma que mais do que o arquiteto, o oleiro, o ferreiro, este algo que faz...
tracking img