Trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (270 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
As drogas são mal do nosso século, pois seu consumo tem aumentado muito nos últimos tempos, independente de faixa etária ou classe social.
Legalizar ou não as drogas?
Osdefensores da legalização das drogas, acham que com ela diminuirá os usuários e a criminalidade no país, já que a mesma poderá ser vendida em estabelecimentos comerciais.
Umavisão totalmente ilusória, já que não podemos afirmar que todos os usuários estejam envolvidos na criminalidade e violência das cidades, mas sim que uma boa parte significativadeles apresenta diminuição de sua capacidade de tomar decisões.
Segundo, uma pesquisa até a maconha, uma droga considerada leve para alguns, causa danos cerebrais.
Osusuários da maconha tem grande dificuldade de armazenamento, planejamento e organização
de novas informações , mas também de lembrar acontecimentos recentes e passados, falta deequilíbrio, angústia, problemas respiratórios, o bloqueio da memória por um curto prazo, pânico, a falta de percepção visual, desespero, diminuição da produção de testosterona ea falta de cordenação física.
É fantasioso achar que um dependente químico possua total liberdade de escolha sobre seu comportamento e possa decidir sobre quando, quanto ecomo interromper o uso das drogas.
Por estes motivos, muitos dependentes insistem em seus comportamentos com grandes prejuízos individuais para a sociedade e a sua família.
Alegalização da maconha abriria portas para as outras drogas se tornarem legais.
Infelizmente, no nosso país não possuímos um projeto sério de prevenção contra o uso dasdrogas.
Talvez, um mundo sem drogas possa ser difícil ou impossível, mas banalizar ou tolerar o seu consumo não será a melhor e nem mais eficaz solução para a sociedade.
tracking img