Trabalho academico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3117 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
J. Gimeno Sacristán e A. I. Pérez Gómez ,

COMPREENDER E TRANSFORMAR O ENSINO
Artes Médicas
CAPÍTULO I AS FUNÇÕES SOCIAIS DA ESCOLA : DA REPRODUÇÃO À RECONSTRUÇÃO CRÍTICA DO CONHECIMENTO E DA EXPERIÊNCIA A . I. Pérez Gómez

RESUMO

EDUCAÇÃO E SOCIALIZAÇÃO Nos pequenos grupos humanos e nas sociedades primitivas, a aprendizagem dos produtos sociais e a educação dos novos membros dacomunidade aconteciam como socialização direta da geração jovem, mediante a participação cotidiana das crianças nas atividades da vida adulta. Contudo, a aceleração do desenvolvimento das comunidades humanas, a complexidade das estruturas, a diversificação de funções e tarefas da vida nas sociedades, tornaram ineficaz esse processo. Surgiram, então, ao longo da história diferentes formas de especializaçãono processo de educação ou socialização secundária ( tutor, preceptor, academia, escola religiosa, escola laica ...), chegando aos sistemas de escolarização obrigatória para todas as camadas da população nas sociedades industriais contemporâneas. Nestas sociedades a preparação das novas gerações para sua participação no mundo do trabalho e na vida pública requer a intervenção de instânciasespecíficas como a escola, cuja função peculiar é atender e canalizar o processo de socialização. Esta função da escola aparece puramente conservadora : garantir a reprodução social e cultural para a sobrevivência mesma da sociedade. Outras instâncias primárias de convivência e intercâmbios, como a família, os grupos sociais, os meios de comunicação exercem de modo direto a influência reprodutora dacomunidade social. No entanto, a escola, por seus conteúdos, por suas formas e sistemas de organização, introduz progressivamente, as idéias, os conhecimentos, as concepções, as disposições e os modos de conduta que a sociedade adulta requer. Assim, a contribuição da escola é decisiva e possibilita à sociedade industrial substituir os mecanismos externos de controle da conduta por disposições mais oumenos aceitas de autocontrole. Esta tendência conservadora lógica, choca-se com a tendência, também lógica, que busca modificar aspectos dessa formação que se mostram desfavoráveis para alguns indivíduos ou grupos que compõem o complexo e conflitante contexto social. Para que haja equilíbrio de convivência nas sociedades, tanto a conservação quanto a mudança são necessárias, e o mesmo ocorre emrelação ao equilíbrio da estrutura social da escola. CARÁTER PLURAL E COMPLEXO DO PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO DA ESCOLA

Dentro deste complexo e dialético processo de socialização que a escola cumpre nas sociedades contemporâneas é necessário que compreendamos os objetivos de tal processo, os mecanismos e procedimentos usados para sua realização. Todos os autores e correntes da sociologia daeducação admitem que ao menos, desde o surgimento das sociedades industriais, o objetivo básico e prioritário da socialização dos alunos na escola é prepará-los para sua futura incorporação no mundo do trabalho (análise dessas posições em Fernández Enguita, 1990). Divergências teóricas surgem quanto à definição do que significa preparação para o mundo do trabalho, como se realiza este processo, queconseqüências advêm da promoção da igualdade de oportunidades ou da promoção da reprodução e reafirmação das diferenças sociais de origem dos indivíduos e grupos. O segundo objetivo do processo de socialização na escola é a formação do cidadão para sua intervenção na vida pública, de modo que se possa manter a dinâmica, o equilíbrio nas instituições e as normas de convivência. Para isso, é necessário que aescola assuma as fortes contradições que marcam as sociedades contemporâneas desenvolvidas. De acordo com F. Enguita, a sociedade é mais ampla que o Estado. Na esfera política, todas as pessoas têm, em princípio, os mesmos direitos; na esfera econômica, no entanto, a primazia não é dos direitos da pessoa mas os da propriedade. Dessa forma a escola defronta-se com demandas contraditórias no...
tracking img