Torax

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1465 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TÓRAX

É a parte superior do tronco, entre o pescoço e o abdome.
A anatomia radiológica do tórax é dividida em três secções: (a) a caixa torácica; (b) o sistema respiratório e (c) o mediastino.

CAIXA TORÁCICA

O esqueleto torácico compreende:
▪ 12 vértebras torácicas
▪ 12 pares de costelas
▪ Osso esterno





Descrição do tórax



Distinguem-se as seguintespartes:




















































Funções do tórax


▪ Confere proteção às vísceras situadas em seu interior (sistema respiratório e mediastino);
▪ Elemento fundamental no mecanismo dos movimentos respiratórios;
▪ Centro primário de formação de hemácias (medula vermelha do esterno e costelas);
▪ Localcomum de biópsia da medula.





Perímetro torácico


Corresponde à circunferência exterior do tórax revestido de suas partes moles. Mede-se ao nível da axila ou do processo xifóide, na inspiração e na expiração. É uma medida indireta da reserva respiratória do organismo.





LINHAS DO TÓRAX


|Linha médio-esternal |Passa verticalmente sobre o plano mediano doesterno |
|Linha esternal |Passa verticalmente tangenciando a borda do esterno |
|Linha hemiclavicular |Passa verticalmente no ponto médio da clavícula |
|Linha paraesternal|Passa verticalmente à meia distância entre esternal e hemiclavicular |
|Linha vertebral |Passa verticalmente sobre os processos espinhosos das vértebras |
|Linha paravertebral |Passa verticalmente à meia distância entre a vertebral e escapular|
|Linha escapular |Tangencia verticalmente a borda medial da escápula |
|Linha axilar anterior |Desce verticalmente da prega axilar anterior |
|Linha axilar posterior |Desce verticalmente da prega axilar posterior|
|Linha axilar média |Desce verticalmente entre as axilares anterior e posterior |


ESTERNO

























































Relações posteriores



Pleura, pulmões, coração, grandes vasos etimo.


Ossificação


▪ O manúbrio ossifica-se em torno do sexto mês de vida intra-uterina.
▪ As quatro esternébras ossificam-se de cima para baixo, em torno do 6(, 7( e 9( mês de vida intra-uterina, respectivamente.
▪ A fusão das esternébras ocorre de baixo para cima, em torno dos 15, 20 e 25 anos.
▪ O processo xifóide começa a ossificar-se na juventude e só se tornacompletamente ossificado por volta dos 40 anos.
COSTELAS (COSTELA = OSSO COSTAL + CARTILAGEM)

São classificadas de acordo com a vértebra torácica à qual se fixam.

▪ COSTELAS VERDADEIRAS (1-7) – contato direto com o esterno através de suas cartilagens (vértebro-esternais)
▪ COSTELAS FALSAS (8-12) - contato indireto com o esterno: conectam-se à cartilagem costal da sétima costela(vértebro-condrais)
▪ COSTELAS FLUTUANTES (11-12) – sem contato com o esterno















Costela típica

Cada costela possui duas extremidades:
a) Extremidade vertebral – ou posterior
b) Extremidade esternal – ou anterior

Entre as duas extremidades está a diáfise ou corpo da costela.

Extremidade vertebral:

▪ Cabeça – articula-se com um ou dois corpos...
tracking img