Topografia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1010 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de janeiro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
Departamento de Ciências Agrárias
Engenharia Florestal

Relatório: Medidas indiretas de distâncias.

Manaus
Março – 2011

Relatório:Medidas indiretas de distância.

Manaus
Março - 2011
Introdução

Topografia é a ciência aplicada cujo objetivo é representar, no papel, a configuração de u ma porção de terreno com as benfeitorias que estão em suasuperfície. Ela permite a representação, em planta, dos limites de uma propriedade, dos detalhes que estão em seu interior (cercas, construções, campos cultivados e benfeitorias em geral, córregos, vales, espigões, etc.)
É a Topografia que , através de plantas com curvas de nível, representa o relevo do solo com todas as suas elevações e depressões. Também nos permite conhecer a diferença de nívelentre dois pontos, seja qual for à distância que os separe; faz-se conhecer o volume da terra que deverá ser retirado (corte) ou colocado (aterro) para que um terreno, originalmente irregular, torne-se plano, para nele se edificar ou para quaisquer outras finalidades.
Em Topografia utilizam-se diversos processos de medida de distância. A medida dos alinhamentos pode ser conduzida por processosdiretos ou indiretos. Nos levantamentos expeditos são comuns os processos de medição: a passo, do odômetro e a trena.
A medida de distâncias a passo, quando devidamente aferido e em terreno plano, é um meio razoável e prático de medida rápida e com relativa confiabilidade; serve, também, como aferição aproximada das medidas diretas, efetuadas com diastímetros (trenas, etc.), ou indiretas,efetuadas com taqueômetros, evitando a ocorrência de erros grosseiros ou faltas. Para a obtenção do valor do passo, percorre-se uma distância conhecida com passadas regulares. A divisão da distância pelo número de passos empregados, resulta no passo médio. Há diferentes tipos de passos e o seu valor é variável com: estatura, modo de caminhar, sobrecarga, cansaço, condições do terreno, horário, rampas,ventos, etc.

Objetivos

➢ Conhecer obter informações da área;
➢ Mensuração da área do terreno por meios de instrumentos adequados.

Materiais & Métodos

Materiais

➢ Teodolito
➢ Balizas
➢ Régua
➢ Tripé
➢ Trena
➢ Caderneta de campo
➢ 4 Piquetes

Teodolito

[pic]

O teodolito é um instrumento óptico de medição de posições relativas. É vulgarmenteutilizado em topografia, navegação e em meteorologia; funciona com uma óptica (por vezes duas), montada num tripé, com indicadores de nível, permitindo uma total liberdade de rotação horizontal ou vertical; mede distâncias relativas entre pontos determinados, em escala métrica decimal (múltiplos e sub-múltiplos).O teodolito é composto por partes ópticas e mecânicas. No seu interior, possuiprismas e lentes que ao desviar o raio de luz permite uma rápida e simples leitura dos limbos graduados em graus, minutos e segundos.

Balizas

[pic]

São utilizadas para manter o alinhamento, na medição entre pontos, quando há necessidade de se executar vários lances.

Características:

➢ Constituídas em madeira ou ferro, arredondado, sextavado ou oitavado;

➢Terminadas em ponta guarnecida de ferro;

➢ Comprimento de 2 metros;

➢ Diâmetro varia de 16 a 20mm;

➢ Pintadas em cores contrastantes (branco e vermelho ou branco e preto) para permitir que sejam facilmente visualizadas à distância;

Régua
[pic]

As estádias, ou miras estadimétricas são réguas graduadas centimetricamente, ou seja,cada espaço branco ou preto (figura 5.10)corresponde a um centímetro.

Tripé
[pic]

Tripé feito para apoiar o teodolito, com as pernas ajustáveis com isso podendo regular para o nivelamento grosso do aparelho.

Trena
[pic]

A trena é uma fita flexível, graduada em centímetros e milímetros, cujo material constituinte pode ser: lona, plástico reforçado com fibra de vidro, aço ou invar. Sua finalidade é a medida direta da...
tracking img