Tipos de conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1093 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
COLÉGIO SAGRADA FAMÍLIA
MARIANA GABURRO CORDEIRO





















TIPOS DE CONHECIMENTO























PONTA GROSSA
2012

MARIANA GABURRO CORDEIRO






















TIPOS DE CONHECIMENTO























PONTA GROSSA
JUNHO/2012INTRODUÇÃO




Conhecer é incorporar um conceito novo, ou original, sobre um fato ou fenômeno qualquer. O conhecimento não nasce do vazio e sim das experiências que acumulamos em nossa vida cotidiana através dos relacionamentos interpessoais, das leituras de livros e artigos diversos.
Entre todos os animais, nós os seres humanos,somos os únicos capazes de criar e transformar o conhecimento; de aplicar o que aprendemos, por diversos meios, numa situação de mudança do conhecimento; de criar um sistema de símbolos como a linguagem e com ele registrar nossas próprias experiências e passar para outros seres humanos. Essa característica é o que nos permite dizer que somos diferentes dos outros.
Ao criarmos esse sistema desímbolos através da evolução da espécie humana, pertimos-nos também o pensar e, por conseqüência a coordenação e a previsão dos fenômenos que nos cercam.































TIPOS DE CONHECIMENTO




De acordo com Bochensky (1961,p.42),nossas possibilidades de conhecimento são muitas e até,tragicamente pequenas.Sabemos pouquíssimo e aquilo que sabemos ésuperficial,sem grande certeza.A maior parte do nosso conhecimento somente é provável.Existem certezas absolutas,incondicionais,mas estas são raras.


1.1 CONHECIMENTO EMPÍRICO

Conhecimento empírico,também chamado de vulgar ou de senso comum,é o conhecimento do povo,obtido ao caso,após ensaios e tentativas que resultam em erros e em acertos.Esse tipo de conhecimento é ametódico eassistemático. A pessoa comum,sem formação para operacionalizar os métodos e as técnicas científicas,tem conhecimento do mundo material exterior onde se encontra inserido e de um certo número de pessoas com as quais convive.Vê essas pessoas no momento presente .Lembra-se delas,prevê o que poderão fazer e ser no futuro.Tem consciência de si mesma,de suas idéias,tendências e sentimentos.
Cada qual servede experiência para o outro,ora ensinando,ora aprendendo,em um intenso processo de interação humana e social.
Pela vivência coletiva os conhecimentos são transmitidos de uma pessoa a outra,de uma geração a outra.


1.2 CONHECIMENTO CIENTÍFICO

O conhecimento científico vai além de empírico, procurando conhecer,além do fenômeno,suas causas e leis.Para Aristóteles,o conhecimento científicosó acontece de maneira absoluta quando sabemos qual a causa que produziu o fenômeno,é o saber através da demonstração.
A ciência, até o Renascimento, era tida como um sistema de proposições rigorosamente demonstradas, constantes e gerais que expressavam as relações entre seres, fatos e fenômenos da experiência.
O conhecimento científico era caracterizado como certo, geral, metódico esistemático.
A ciência, assim entendida, era o resultado da demonstração e da experimentação, só aceitava o que fosse provado.
Hoje, a concepção de ciência. A ciência não é considerada como algo pronto, acabado ou definitivo. Não é a posse de verdades imutáveis.
Atualmente, a ciência é entendida como uma busca constante de explicações e de soluções, de revisão e de reavaliação de resultados, apesarda fabilidade e seus limites.
Nessa busca sempre mais rigorosa, a ciência pretende aproximar-se cada vez mais da verdade através de métodos que proporcionam controle, sistematização, revisão e segurança maior do que possuem outras formas de saber não-científicas.
Por ser algo dinâmico, a ciência busca renovar-se e reavaliar-se continuamente. A ciência é um processo em construção.

1.3...
tracking img