Does an inherent social conflict exist when state government rely in tax contributions from liquor sales to fund education programs?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (402 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Does an inherent social conflict exist when state government rely in tax contributions from liquor sales to fund education programs?

Como é sabido é prática comum os governos usarem receitasprovenientes de taxas sobre um determinado um determinado bem ou serviço e usarem essas receitas para investir noutros campos da governação. E em Portugal essa prática é muito recorrente e bem aceite pelasociedade (exemplo do imposto automóvel e sobre o tabaco que servem para pagar outros buracos na gestão financeira do governo). No entanto essa prática pode ser mal vista por vários partidos políticose outras culturas, em que as receitas do estado de um determinado imposto sobre um bem que mete em risco a saúde publica deve ser aplicado na concertação dos danos provocados por esse mesmo bem.Neste caso em que o estado de Michigan utiliza as receitas dos impostos sobre o álcool para financiar o sistema de educação, estas duas visões descritas em cima parecem fazer sentido. Visto que, aoestar a investir no sistema de educação estamos a contribuir para a diminuição dos problemas de alcoolismo visto estes serem muitas vezes causados por falta de formação escolar (que desenvolve acapacidade de raciocínio) e informação (exemplo: investir em informação nas escolas acerca do problema do alcoolismo). Num estudo intitulado “Alcohol abuse according to course applicants at Federal Universityof Espírito Santo” Edinamara Maia (June 2000), o alcoolismo é devido sobretudo às dificuldades decorrentes da realidade social em termos de trabalho e condição económica, às pressões sociais degrupos de convivência e ao carácter prazeroso de muitas situações em que se consome bebida. Se o nível de escolaridade fosse superior provavelmente haveriam menos pessoas com piores condições de trabalhoe com situações económicas tão complicadas.


O mesmo estudo infere que entre 55,4% e 64,3% dos sujeitos apontaram a necessidade de mudanças nas políticas públicas como alternativa de combate do...
tracking img