The coca cola company

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1951 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
METODOLOGIA PARA O CÁLCULO DE VAZÃO DE UMA SEÇÃO TRANSVERSAL A UM CANAL FLUVIAL Iran Carlos Stalliviere Corrêa
Instituto de Geociências – UFRGS Departamento de Geodésia
Av. Bento Gonçalves, 9500 Caixa Postal 15.001 91501-970 Porto Alegre-RS e-mail: iran.correa@ufrgs.br

RESUMO
O presente trabalho propõe, de uma maneira simplificada e fácil, a metodologia a ser empregada na obtenção dos dadosde campo e sua aplicação no cálculo da determinação da vazão de uma seção transversal a um canal fluvial, com os devidos ajustes e cuidados a serem tomados na obtenção dos dados e cálculos. Palavras chaves: Vazão, cálculo de vazão, seção transversal, canal fluvial.

1 – INTRODUÇÃO Este trabalho tem a finalidade de apresentar, sucintamente, o método de obtenção e cálculo de vazão para uma seçãotransversal a um canal fluvial. Desde há muitos séculos o homem tem necessidade de medir o comportamento físico de um corpo d’água em movimento ou em repouso. Para resolver esta necessidade, desenvolveu técnicas e equipamentos que permitem registrar a velocidade, a pressão, a temperatura e a vazão de um corpo d’água. Uma das variáveis mais importantes é o cálculo de vazão, devido que através destese pode quantificar o consumo, se avaliar a disponibilidade dos recursos hídricos e se planificar a respectiva gestão da bacia hidrográfica. A vazão é conceituada como sendo o volume de água que passa por uma determinada seção, de um rio ou canal, num determinado intervalo de tempo. A medida de vazão em um curso d’água é efetuada, normalmente, de forma indireta a partir da medida de velocidade oude nível. 2 – METODOLOGIA A medida de vazão em uma seção transversal de um canal fluvial é efetuada, normalmente, com o auxílio de “molinete”, com o qual se obtém a medida da velocidade da corrente fluvial em pontos préestabelecidos (Fig. 1).

Fig. 1 – Molinete de hélice O molinete é um equipamento destinado a medir a velocidade da água em qualquer profundidade do curso d’água (Fig.3). Esteequipamento assemelha-se a um cata-vento, cujas hélices giram com maior ou menor velocidade, dependendo da velocidade do vento. O molinete hidráulico faz o mesmo e suas hélices giram mais rapidamente conforme a velocidade do fluxo de água que passa pelas mesmas. Existem molinetes que são utilizados para ambientes com baixa velocidade de fluxo de vazão e outros para ambientes de alto fluxo de vazão,os resultados obtidos podem ser digitais ou analógicos. Os molinetes podem ser montados em suportes ou serem suspensos por cabos. Para efetuar-se a tomada das medidas, coloca-se o molinete em uma determinada seção do curso d’água, variando as posições, não só ao longo da seção, mas também ao longo da profundidade (Fig.3). Antes da utilização do molinete, para a tomada de dados, o mesmo deve seraferido em um laboratório de hidráulica, para que se tenha uma perfeita relação entre o número de voltas dadas pela hélice do molinete com a velocidade da

água, em um intervalo de tempo considerado. Para isso o molinete deve ser aplicado em velocidades de correntes conhecidas, contando-se assim, o número de voltas que o mesmo dá em 60 segundos. Destes testes resultam tabelas ou gráficos que serãoaplicados nas medições efetuadas em campo (Tabela III).

A velocidade da corrente de um fluxo fluvial é, normalmente, maior na parte central de um rio do que em suas margens. Em função dessa variação da velocidade da corrente em diferentes pontos da seção transversal, devem-se obter medidas em diversos pontos tanto na superfície da seção transversal como em diversos níveis em cada seçãovertical (Fig.2 e 3).

S 0,2p 0,4p 0,6p 0,8p F Superfície de fundo

Fig. 2 – Perfil de velocidade com os respectivos pontos de medição recomendados

Nivel d'água

2

3

4

5

Fig. 3 – Seção transversal com indicação das verticais e representação da velocidade da corrente medida

Para um melhor resultado do cálculo de vazão e do estabelecimento das distâncias entre os perfis verticais,...
tracking img