Tfeitos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (365 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Crise dos 18 anos
 Costumo dizer que depois que completamos quinze anos a Vida aperta o botão “acelerar”, então tudo passa mais depressa. Quando você está começando a se acostumar com a ideiade ter quinze anos, os dezesseis já chegaram e os dezessete já estão batendo à porta. E os dezoito? Os dezoito chegam quase sem querer, do tipo “só sei que foi assim”, meio sem emoção porque aexpectativa acaba quando de fato chega o dia.
Eis então que minha cabeça começou a entrar em parafuso. Estudar ou trabalhar? Será que estou no caminho certo? Quanto tempo vou levar paraalcançar meus objetivos? Começa o ano mais feliz e triste de nossas vidas. Finalmente somos libertados ao mundo. Agora, não somos apenas os filhos de nossos pais, agora, temos a nossa vida. Aliberdade nos alegra, nosso futuro nos faz sonhar..
Com 13 anos eu achava que todo mundo era meu amigo e que a vida não era algo pra se pensar. Com 14 eu descobri que isso era mentira, e descobrimais um bilhão de coisas que eu nem sabia que existiam. Com 15 eu descobri que todas essas coisas novas também poderiam estar dentro de mim, eu não podia ter medo de despertá-las. Eu precisariaser eu. Com 16 eu descobri o que era amor, o quanto ele pode te fazer sorrir, o quanto ele pode te destruir. Com 17 eu descobri que pior que uma dor de amor é a apunhalada de um inimigo, e quemeus maiores inimigos são a minha mente e o meu coração. ‘O que eu sinto é o que eu penso, o que eu penso é o que eu faço.’ E agora Como vai ser aos 18, talvez eu me vejo mais adulta, maiscautelosa, mais esforçada, sem o brilho do olhar daquela sofrida e esperançosa menina de 13 anos, sem aquela vivacidade dos 14, sem aquela coragem absurda da garota de 15, com o coração nos eixos enão na boca como ficava aos 16, sem a melancolia dos 17 anos. Ainda eu, sem essências, com novas essências.”
| Estou numa crise de idade. Prefiro nem me imaginar se eu chegar aos 30. |
tracking img