Teste economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1538 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Diga se é verdadeira ou falsa cada uma das seguintes afirmações. Justifique a sua resposta no máximo de um parágrafo.

1) Sempre que há um aumento no preço de um bem, há um deslocamento da procura para a direita.

Falsa. Existe apenas um deslocamento ao longo da curva da procura mas não da curva.

2) Uma curva da procura é inelástica se o rendimento total aumenta quando o preço baixa.Falso. ...se o rendimento total baixa quando o preço baixa.

3) Fumar é uma externalidade negativa apenas para quem fuma.

Falso. Uma externalidade no consumo ocorre quando o consumo de um determinado bem afecta os consumidores em outros mercados e esses impactos não são considerados no preço de mercado do bem em questão. No caso das externalidades negativas como fumar as acções dos fumadoresimpõem custos externos nos não fumadores.

II
Considere o mercado de máquinas de filmar representado pelas seguintes funções:
P = 100 – Q
P = 50

1) Represente graficamente de forma precisa estas duas funções e calcule o ponto de equilíbrio.

Ponto de equilíbrio:

D = S => 100 – Q = 50 => Q = 100 – 50 => Q = 50

P = 50
P
10050
D

0 50 100 Q

Recta da procura:

Com P = 0 => 0 = 100 – Q => Q = 100
Com Q = 0 => P = 100

2) Suponha que o Estado resolve aplicar um imposto à produção de máquinas de filmar no valor de 10 unidades por unidade de produção. Calcule o novo ponto de equilíbrio.

Um imposto à produção de 10 unidades contrai a curvade oferta que passa a ser dada por P = 60.

Novo ponto de equilíbrio:

D = S => 100 – Q = 60 => Q = 100 – 60 => Q = 40

P = 60

3) Quem sairá mais prejudicado com a aplicação do imposto, o produtor ou o consumidor? Quantifique a sua resposta.

Neste caso, o consumidor paga a totalidade do imposto pelo que é o mais prejudicado com a aplicação doimposto.


4) Calcule o triângulo de ineficiência associado à aplicação deste imposto.

Triângulo de ineficiência: [(60 – 50) (50 – 40)] / 2 = 50


III

Admita que o Lourenço apenas consome dois tipos de bens, o bem X e o bem Y.

Sabendo que PY = 120:

1) Explique, para um colega que nunca frequentou as nossas aulas, o gráfico acima.

A teoria do consumidoranalisa a escolhas de consumo do indivíduo. Este é o gráfico representativo da escolha óptima do Lourenço no consumo dos 2 bens, X e Y, devendo estar presente que:
- o Lourenço é um consumidor racional.
- tem um nível de preferência (utilidade) representado pelas curvas de indiferença acima identificadas.
- tem um limite ao consumo dos bens traduzido pelas restrições orçamentais representadasno gráfico.

2) Considerando a situação inicial (1) determine, com os dados acima indicados, o rendimento do Lourenço utilizado na aquisição destes dois bens. Indique a expressão analítica da restrição orçamental e diga qual o seu significado.


R/Py = 40 => R/120 = 40 => R = 120*40 => R = 4.800
R/Px = 40 => 4.800/Px = 40 => Px = 120
R: 4800 = 120 * x + 120* y
Significado: A Restrição Orçamental traduz o limite ao consumo dos bens, dado um certo nível de rendimento (4800) e os preços dos dois bens (120 cada).

3) Qual a taxa marginal de substituição entre os dois bens, na situação óptima inicial, e qual o seu significado?

TMS = rácio dos preços => TMS = Px / Py => TMS = 120 / 120 => TMS = 1
Significado: a taxa àqual o consumidor está disposto a substituir o bem 1 pelo 2, mantendo o mesmo nível de satisfação é 1. Ou seja, por exemplo entre coca-cola e pepsi-cola, o Lourenço troca uma coca-cola por uma Pepsi-cola, mantendo o nível de satisfação.





4) Explique, sem quantificar, o que poderá ter originado a passagem da situação 1 para a situação 2. Identifique essa alteração na curva da...
tracking img