Teorias do cinema

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2948 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ANDREW, DUDLEY - As Principais Teorias do Cinema
JORGE ZAHAR EDITOR - Rio de Janeiro

Este livro apresenta um pouco de cada obra dos grandes autores que dedicaram-se à pesquisa das teorias do cinema.

Andrew faz seu estudo sobre o já conhecido conflito entre as teorias realistas (Kracauer e Bazin) e as teorias formativas (Arheim, Munsterberg, Balázs e Eisenstein), e apresenta uma terceirateoria (teoria cinematográfica francesa contemporânea) liderada por Metz e Mitry

"Andrew faz um apanhado das principais teorias que tentaram explicar a estética cinematográfica, desde o cinema mudo até os anos setenta." O Estado de S. Paulo

CITAÇOES DIRETAS:

“Os teóricos formativos refutaram o realismo bruto que os produtores cinematográficos propagandeavam e que o público pensava estarrecebendo. Mais tarde, os realistas atacaram especificamente os formalistas porque estes negavam o vínculo especial do cinema com o realismo ao tentarem fazer com que ele se colocasse ao lado das artes prestigiadas.” (prefácio, pg 10)

“Decerto, não há qualquer garantia de que a teoria do cinema vá aprofundar a apreciação dessa arte, e na realidade muitos estudantes reclamam da perda daqueleprazer original irrefletido que todos já tivemos na sala de exibição. O que substitui essa perda é o conhecimento, a compreensão de como as coisas funcionam.” (introduçao – o tema, pag13)

“Nos Estados Unidos, a teoria do cinema mais bem conhecida é a teoria do auteur que, falando francamente, não é em absoluto uma teoria, mas um método crítico” (introduçao – o tema, pag14)

“Nossaexperiência do cinema não mais deve ser um aspecto isolado de nossa existência. Alguns podem objetar que, ao colocar o cinema num mundo mais amplo, ao tratá-lo em termos que nos permitem cruzá-lo com outros tipos de experiência, destruímos a singularidade e santidade da experiência do cinema.” (introduçao – o tema, pag15)

As teorias do cinema apareceram antes mesmo do processo cinematográficocompletar 20 anos.

“Esses teóricos lutaram para dar ao cinema o status da arte. O cinema, argumentavam, era igual às outras artes porque transformava o caos e a ausência de significado do mundo numa estrutura e num ritmo auto-sustentados. Durante essa época, foram feitas comparações entre o cinema e virtualmente todas as outras artes.” (a tradiçao formativa, pg21)

“Inúmeros ensaios desseperíodo (1912-25) diferenciavam em altas vozes o cinema do teatro. A maioria afirmava que, pelo fato de o cinema em sua infância ter sido economicamente obrigado a registrar desempenhos teatrais, ele nunca superara o teatro na busca de sua própria essência. A vanguarda dos anos 1920 salientou as qualidades musicais, poéticas e, sobretudo, oníricas inerentes à experiência cinematográfica.” (atradiçao formativa, pg22)

Anos 20 via-se o cinema como "forma plástica", ou "tempo congelado", ou "sincronizado com o tempo de nossos sonhos cotidianos"

“Ao mesmo tempo em que a teoria poética do cinema aparecia na França junto com os primeiros cineclubes e os artistas cinematográficos de vanguarda, a indústria cinematográfica institucional alemã estava laboriosamente criando o movimento quechamamos expressionismo.” (a tradiçao formativa, pg22)

“Paradoxalmente, a chegada do som parece marcar o declínio da grande era da teoria formativa do cinema. No entanto, por volta de 1935 já era considerado certo em quase todos os círculos cultos que o cinema era uma arte, independente de todas as outras artes, mas tendo em comum com elas o processo de transformação através do qual umassunto banal torna-se uma declaração eloqüente e brilhante.” (a tradiçao formativa, pg23)

Hugo Munsterberg
“O livro de Munsterberg divide-se em uma estética e uma psicologia do cinema, e ele era proeminentemente qualificado nas duas áreas. É freqüentemente identificado como um dos fundadores da moderna psicologia...” (cap.1, pag 25)

“Sem a tecnologia não haveria filmes e sem as...
tracking img