Teoria dos jogos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3650 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
MANUAL
- TEORIA DOS JOGOS –

Formador: Alberto Dantas
Forward – Viana do Castelo Dezembro de 2010

"Assim como os atletas têm o prazer de treinar seus corpos, também há imensa satisfação em treinar a mente para pensar de uma forma que é simultaneamente racional e criativa. Com todos os seus enigmas e paradoxos, a Teoria dos Jogosoferece um magnífico ginásio mental para essa finalidade. Espero que exercitar-se neste equipamento lhe traga o mesmo prazer que eu tive" (Ken Binmore, em Playing for Real)

Índice

Introdução 4
1. O que é a Teoria dos Jogos? 5
2. O Enquadramento da Teoria 5
3. Características do Jogo 6
4. A representação do Jogo 6
4.1 Forma Normal 7
4.2 Forma Extensiva 7
5. Classificaçãodos Jogos 8
5.1 Jogos de Soma Zero 8
5.2 Jogos de Soma Não-Zero 8
5.3 Jogos Simultâneos 9
5.4 Jogos Sequenciais 9
5.5 Jogos de Informação Perfeita 9
5.6 Jogos de Informação Imperfeita 9
5.7 Jogos Cooperativos e Não-Cooperativos 10
5.8 Jogos Simétricos e Assimétricos 10
6. Tipologias das Estratégias 10
7. O Dilema do Prisioneiro 11
Considerações Finais 14
Bibliografia 15Introdução
A teoria dos jogos é uma teoria matemática criada para se modelar fenómenos que podem ser observados quando dois ou mais “agentes de decisao” interagem entre si. Ela fornece a linguagem para a descrição de processos de decisão conscientes e objectivos envolvendo mais do que um indivíduo.
A teoria dos jogos é usada para se estudar assuntos tais como eleicões, leilões, balançade poder, evolucão genética, concorrência empresarial, ameaças nucleares, etc. A teoria é também uma teoria matemática pura, que pode e tem sido estudada como tal, sem a necessidade de relacioná-la com problemas comportamentais ou jogos per se.
Algumas pessoas acreditam que a teoria dos jogos formará algum dia o alicerce de um conhecimento técnico estrito de como decisões são feitas e de como aeconomia funciona. O desenvolvimento da teoria ainda não atingiu este patamar e, hoje, a teoria dos jogos é mais estudada em seus aspectos matemáticos puros e em aplicações, é usada como uma ferramenta ou alegoria que auxilia no entendimento de sistemas mais complexos.
Neste manual, será abordada a Teoria dos Jogos nos seus mais diversos campos de aplicação, com variados exemplos dos tipos dejogos possíveis, assim como as estratégias que podem ser seguidas/seleccionadas, e por último será destacado o Dilema do Prisioneiro, que deriva da Teoria dos Jogos.
No final deste manual, os formandos deverão ser capazes de compreender o conceito de Teoria dos Jogos, tendo como objectivos específicos:
1) enunciar o "Dilema do Prisioneiro", sem recurso ao manual, sem cometer erros;
2)identificar o Equilíbrio de Nash, através de uma matriz de retornos, de forma autónoma;
3) reconhecer o Eficiente de Pareto, através de uma matriz de retornos, à primeira tentativa.
O tema em questão assume particular importância e utilidade vista a sua aplicação em diversas situações da vida quotidiana e aos diversos campos acadêmicos em que se insere.

1. O que é a Teoria dos Jogos?A Teoria dos Jogos é um ramo da matemática aplicada que estuda situações estratégicas onde jogadores escolhem diferentes acções na tentativa de melhorar o seu retorno. Inicialmente desenvolvida como ferramenta para compreender comportamento económico e depois usada pela Corporação RAND para definir estratégias nucleares, a teoria dos jogos é hoje usada em diversos campos acadêmicos. Devido aointeresse em jogos como o dilema do prisioneiro, no qual interesses próprios e racionais prejudicam a todos, a teoria dos jogos vem sendo aplicada na ciência política, ética, economia, filosofia e recentemente, no jornalismo, área que apresenta inúmeros e diversos jogos, tanto competitivos como cooperativos. Finalmente, a teoria dos jogos despertou a atenção da ciência da computação que a vem...
tracking img