Teoria de herzbeg

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (277 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A TEORIA DE HERZBERG

Foi desde o início, baseada no estudo das atitudes e motivações dos funcionários dentro de
uma empresa.
Ele desenvolveu um estudo para tentar entender osfatores que causariam
insatisfação e aqueles que seriam os responsáveis pela satisfação no ambiente de
trabalho. O resultado foi pela primeira vez publicado em 1959, sob o
título"a motivação para trabalhar - The Motivation to Work".
Os estudos incluíram pesquisas, onde os trabalhadores de diversas empresas eram
estimulados a explicitar quais seriam osfatores que os DESAGRADAVAM (fatores de HIGIENE) ,
assim como os que os AGRADAVAM na empresa (fatores MOTIVADORES). Por isso, a teoria é
mais conhecida como "a Teoria dos doisfatores de Herzberg: Motivação - Higiene".
Fatores Higiênicos ou fatores extrínsecos - se localizam no ambiente que
rodeia as pessoas e abrange as condições (são administradas edecididas pela empresa )dentro
das quais elas desempenham seu trabalho. Os fatores higiênicos são: o salário, os benefícios
sociais, o tipo de chefia ou supervisão que as pessoas recebemde seus superiores, as
condições físicas e ambientais de trabalho, as políticas e diretrizes da empresa, o clima de
relações entre a empresa e as pessoas que nela trabalham, osregulamentos internos, etc.
São fatores de contexto e se situam no ambiente externo que cercam o indivíduo.
Fatores Motivacionais ou fatores intrínsecos - estão relacionados comaquilo que ele faz e
desempenha, com o conteúdo do cargo e com a natureza das tarefas que o indivíduo executa.
Os fatores motivacionais estão sobre controle do indivíduo e envolvemos sentimentos
de crescimento individual, de reconhecimento profissional e as necessidades de auto
realização e dependem das tarefas que o indivíduo realiza no seu trabalho.
tracking img