Teologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 139 (34647 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
lPrimeira Parte:
Elementos de Teologia Moral Fundamental
1. A vida do homem sobre a Terra: a busca da vida. O que o homem quer e a realidade do seu ser.

Moral refere-se ao agir livre e consciente da pessoa humana. A pessoa humana, ao agir livre e conscientemente sempre age em vista de um bem. Não sempre de um bem objetivo segundo uma lei moral, mas de um bem para a pessoa. Quem faz umpecado, está buscando um bem, algo que ele considera que é um bem pelo qual valeria a pena agir contra a lei moral.
Que bem é esse que norteia o agir da pessoa, que está como meta de todo o agir das pessoas? Podemos usar vários nomes para designá-lo. Felicidade, por exemplo. Todos agem e não podem deixar de agir livremente senão em busca da própria felicidade. Segurança é outro nome. A pessoa agelivre e conscientemente em busca sempre de sua segurança, mesmo quando se arrisca. O não se arriscar lhe parece mais insuportável e menos recompensador para a sua segurança como um todo – a afirmação de sua coragem e capacidade de buscar objetivos – do que o risco que corre. Pensemos num mergulhador ou num piloto de testes. Mas podemos adotar o nome mais abrangente de VIDA. Toda pessoa humana agelivre e conscientemente pois deseja Vida sempre mais plena e o seu agir lhe parece proporcionar istol.
“1No princípio era o Verbo, e o Verbo estava junto de Deus e o Verbo era Deus. 2Ele estava no princípio junto de Deus.3Tudo foi feito por ele, e sem ele nada foi feito. 4Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens” (Jo 1,1-4).
Aí está afirmado que “a vida era a luz dos homens”. Éexatamente o que também nós queremos afirmar ao dizer que a meta de todo o agir livre e consciente da pessoa humana é a vida. Tal vida está no Verbo Divino. O drama humano é que a vida lhe é oferecida pela doação que Deus faz do seu Verbo, mas os homens o rejeitam e querem buscar a vida lá onde ela não está: no poder, no dinheiro, no prazer carnal, nas vitórias sobre as criaturas.
O agir humano livre sódará realmente a felicidade, a segurança e a vida que o homem busca se esse agir buscar a vida lá onde ela realmente se encontra. Nem tudo que o homem quer é realmente bom para ele, mesmo que ele o considere assim. Por isso, para agir realmente bem, o homem precisa conhecer a verdade sobre o seu ser.
Nenhuma pessoa humana deu o ser a si mesma. A experiência humana básica é a experiência de existire da consciência de si, que só ocorre já pelos dois a três anos de idade, após muitas experiências reais da pessoa. Somos criaturas, nosso ser foi pensado e criado por um Outro e não por nós mesmos e portanto nem sempre o que quereríamos que fôssemos corresponde ao que realmente somos. Nós “nos recebemos” de graça. Mas nem sempre conhecemos o que somos, nem sempre conhecemos nossa natureza. Agirpor um querer, mas ignorantes da nossa verdadeira natureza, poderá fazer com que o bem que buscamos pelo nosso agir seja na realidade um mal para nós. Mas como poderemos conhecer a nossa natureza?
2. A razão como caminho para o homem superar suas contradições. A Ética Filosófica.
O instrumento que a pessoa humana tem para conhecer quem ela é e qual a sua natureza própria é a razão. Junto com aliberdade de opção no seu agir, com a vontade livre, o ser humano é dotado derazão para conhecer. Estas duas características, intelecção e vontade livre interagem nele e o fazem diferente dos animais da terra.Conhece a realidade, a intelige, porque quer conhecê-la e quer isto porque conhece que assim é melhor para ter vida. Os pensadores cristãos procuraram saber qual das duas características tem aprecedência, gerando duas correntes de pensamento: uma correnteintelectualista, mais na linha de São Tomás de Aquino e os dominicanos e uma corrente voluntarista, mais na linha de Santo Agostinho e os franciscanos. Parece um problema insolúvel. O ser humano pode agir mal por ignorância da verdade e por malícia. Se não conhece a verdade, sua vontade livre não é suficientemente iluminada e age...
tracking img