Teologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 452 (112855 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
E-book digitalizado por: Levita Digital
Com exclusividade para:
[pic]
http://ebooksgospel.blogspot.com/

Os Mártires do
COLISEU

Os Mártires do
COLISEU
O Sofrimento dos Cristãos no Grande Anfiteatro Romano

"O sangue dos mártires é a semente dos cristãos."
— Tertuliano

A.J. O'Reilly

Tradução
Marta Doreto de Andrade

Todos os direitos reservados desta tradução e notasintrodutórias.
Copyright © 2005 para a língua portuguesa da
Casa Publicadora das Assembléias de Deus.
Aprovado pelo Conselho de Doutrina.

Publicado originalmente em inglês em 1874 como History ofthe Coliseum and Its Martyrs.

Tradução: Marta Doreto de Andrade
Preparação de originais: Isael de Araújo
Capa e projeto gráfico: Alexander Diniz
Editoração: Leonardo Marinho

CDD: 272 -Perseguições religiosas
ISBN: 85-263-0678-2

Para maiores informações sobre livros, revistas, periódicos e os últimos lançamentos da CPAD, visite nosso site:
http://www.cpad.com.br

Casa Publicadora das Assembléias de Deus
Caixa Postal 331
20001-970, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Impresso no Brasil

3ª Edição 2005

Prefácio à edição brasileira

"Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador,não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?" (Ap 6.10).

Os Mártires do Coliseu são um livro indispensável para se conhecer a fé e a coragem dos primeiros seguidores do Nazareno. Investigando diversas fontes, quer cristãs quer seculares, utiliza-se o teólogo das ferramentas do historiador. E, assim, leva-nos a inteirar-se do que realmente aconteceu com
as primeirastestemunhas de Nosso Senhor Jesus Cristo.
A história toda se passa em torno do Coliseu. Erguido com a pompa e a
arrogância tão próprias de Roma, abriu os frontões para que o populacho, sequioso por pão e circo, se divertisse com o sangue de nossos irmãos.
Executados de maneira cruel, os discípulos de Cristo encharcavam, com o seu sangue, aquela arena. Mas com a serenidade dosjustos, encaminhavam-se à Nova Jerusalém.
Deles encheu-se o céu; de seus algozes, encher-se-ia o inferno. Este livro não é para ser lido propriamente do ponto de vista teológico; tem de ser relido sob a ótica do historiador. Na tarefa de resgatar os depoimentos para a reconstrução de um dos períodos mais negros da história da Igreja Cristã, viu-se o autor obrigado a recorrer às mais diversasfontes.
Leia todo esse livro com a mente voltada ao Coliseu onde foram os nossos irmãos martirizados, a fim de que hoje pudéssemos estar nos átrios do Senhor celebrando-lhe o nome e bendizendo-lhe a glória.
A CPAD sente-se honrada em apresentar ao povo evangélico um dos livros mais completos acerca do martírio dos primeiros cristãos. Temos certeza de que, nestas páginas, encontraremos anecessária coragem para prosseguirmos a nossa carreira até a volta de Cristo Jesus.
Os martírios não são uma coisa do passado; neste momento, em algum lugar do mundo, alguém está selando a fé em Cristo com o próprio sangue. E para tanto são motivados pela ressurreição da última trombeta.

Maranata,
Ora vem, Senhor Jesus.

Os Editores.

Prefácio a 1ª edição

O presentelivro, imperfeito como é, tem a recomendação de ser o único sobre o assunto publicado em inglês. Com uma leve mudança, esta afirmação pode ser estendida a cada uma das línguas européias. Algumas obras sobre o Coliseu têm sido impressas na Itália, mas tratando-o como um monumento pagão, ou uma obra de arte. Acho que nenhuma delas 21S. dedica mais que algumas páginas aos registros cristãos. MemorieSacre e Profane dell Anfiteatro Flavio, de Marangonis, que é sem dúvida a melhor, e da qual eu tirei muita coisa para as páginas a seguir, não oferece mais que alguns dos nomes dos mártires do Coliseu, com referências aos seus feitos. Todos admitem que o Coliseu foi santificado pelo sangue de milhares de mártires: mencionam alguns dos mais importantes, e seguem adiante como se o mundo não tivesse...
tracking img