Teo. adm

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2608 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TEORIAS TRANSITIVAS EM ADMINISTRAÇÃO
Claudia Simone Antonello
Enio Pujol Júnior
Magda Valéria Silva
1. Introdução
Em meio à Teoria Clássica, apareceram alguns autores que, apesar de defenderem alguns dos princípios clássicos, iniciaram um trabalho pioneiro de revisão, de crítica e de reformulação das bases da teoria da administração.
Podemos dizer que o ponto em comum desses autores é atentativa de aplicação de certos princípios da Psicologia ou da Sociologia na teoria administrativa.
2. Autores
Mary Parker Follett
Biografia
Mary Parker Follett nasceu em Quincy, Massachusetts, perto de Boston, no ano de 1868, sendo a mais velha de duas crianças. Não teve uma infância feliz. Sua mãe era uma inválida nervosa e seu pai morreu quando ela ainda estava na adolescência. Já comoadministradora da casa, Follett foi forçada pela morte de seu pai a assumir a responsabilidade pelos assuntos financeiros da família.
Freqüentou a Thayer Academy, em Baintree, e a Society for the Collegiate Instruction of Women, em Cambridge, uma dependência filiada à Harvard University, que dava às mulheres a oportunidade de serem instruídas por professores de Harvard. Após um ano no exterior, noNewnham College, em Cambridge, Inglaterra, Follet graduou-se pelo Radcliffe College, em 1898, primeiro lugar com louvor em economia, administração pública, direito e filosofia.
Em 1896, ainda uma estudante universitária, publicou um estudo intitulado The Speaker of the House of Representatives, no qual detalhava o complicado funcionamento do processo legislativo e os métodos utilizados peloseficientes relatores do Congresso americano para exercer seu poder e influência. Nesse livro Follett exibiu, pela primeira vez, a dupla abordagem que mais tarde aplicaria em todos os seus trabalhos: estudo meticuloso de registros e documentos combinado ao contato pessoal com os indivíduos envolvidos, a fim de verificar, em primeira mão, seus pensamentos, sentimentos e atitudes.
Seu círculo social incluíagrande parte dos escritores, filósofos, juristas e políticos progressistas, bem como a aristocracia de Boston na época. Fluente no alemão e no francês, manteve-se atualizada com os progressos de ambos os lados do Atlântico nas ciências físicas e sociais. Follett era uma verdadeira democrata e respeitava todos os indivíduos, não obstante seu lugar na sociedade. Desde os anos 40 até pouco tempoatrás, Follett foi considerada por muitos uma subversiva. Quando os japoneses depararam-se pela primeira vez com seu trabalho, no início dos anos 50, alguns escritores tiveram a impressão de que ela era marxista, por causa de sua ênfase na importância da coletividade. Mas, logo se informaram melhor a fundaram uma Associação Follett, a fim de estudá-la em profundidade.
Follet foi ativa no trabalhosocial, no qual foi administradora efetiva, iniciando projetos e conseguindo que fossem aceitos e implementados por outros. Em Boston destacou-se como educadora e organizadora de serviços comunitários., onde estabeleceu cursos noturnos e centros juvenis de recreação.
Em 1918 publicou The New State: Group Organization the Solution of Popular Government, onde desenvolveu suas próprias idéias sobregoverno democrático. De um modo geral, Follett estava defendendo a substituição de instituições burocráticas por networks, nas quais as próprias pessoas analisariam seus problemas e, então, produziriam e implementariam sua próprias soluções. Isso seria a verdadeira democracia, cada indivíduo tendo parte no processo de tomada de decisão e aceitando a responsabilidade pessoal pelo resultado.
O livrotornou Follett uma figura de destaque internacional e trouxe convites para representar o público em juntas de conciliação, de salário mínimo, tribunais públicos e outros órgãos oficiais. Essas novas posições habilitaram Follett a experimentar a política de relações industriais. Em 1924 publicou Creative Experience, livro baseado em seus interesses para os negócios e a indústria.
Ela não se...
tracking img