Temperatura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1082 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- TEMPERATURA
A temperatura corporal é proveniente do calor produzido pela atividade metabólica. Vários processos físicos e químicos promovem a produção ou perda de calor, mantendo o nosso organismo com temperatura mais ou menos constante, independente das variações do meio externo.

O equilíbrio entre a produção e a perda de calor deve-se basicamente ao seguinte mecanismo, controlado peloHIPOTÁLAMO: quando há necessidade de perda de calor, impulsos nervosos provocam vasodilatação periférica com aumento do fluxo sangüíneo na superfície corporal e estimulação das glândulas sudoríparas, promovendo a saída de calor.

Quando há necessidade de retenção de calor, estímulos nervosos provocam vasoconstrição periférica com diminuição do sangue circulante local e, portanto, menorquantidade de calor é transportado e perdida na superfície corpórea.

ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS DA TEMPERATURA
Em algumas situações, temos fatores que reduzem ou aumentam a taxa metabólica levando a uma diminuição ou aumento da temperatura corporal:


•Sono e repouso;
•Idade;
•Exercícios;
•Emoções,
•Fator hormonal;
•Em jovens.

Desnutrição: indivíduos desnutridos geralmenteapresentam temperatura mais baixa, devido a falta de nutrientes para o metabolismo celular:

Fatores relacionados a perda ou não de calor com o meio externo:
•Banhos a temperaturas muito quentes ou frias podem provocar alterações transitórias da temperatura;
•Agasalhos: provocam menor dissipação de calor e, portanto, contribuem para o aumento da temperatura;
•Alimentação: há alteraçãotransitória na temperatura corporal relacionada com a ingestão de alimentos e bebidas muito quentes ou frias.

ALTERAÇÕES PATOLÓGICAS DA TEMPERATURA
•Em geral a hipertermia acompanha os processos infecciosos e inflamatórios;

•Reações a distúrbios emocionais e manifestações de hipersensibilidade.

TEMPERATURA CORPORAL NORMAL
É muito difícil delimitar a temperatura corporal normal porque, alémdas variações individuais e condições ambientais, num mesmo indivíduo a temperatura não se distribui uniformemente nas diversas regiões de seu corpo. Em média, considera-se a temperatura retal 0,6°C mais alta. Alguns autores consideram como limites da normalidade da temperatura axilar os valores entre 35,8°C a 37°C.

São variações normais de temperatura (Atkinson):
•Temperatura axilar: 35,8°C- 37,°C;
•Temperatura oral: 36,3°C - 37,4°C;
•Temperatura retal: 37°C - 38°C.

TERMINOLOGIA
•Hipotermia: temperatura abaixo do valor normal. Caracteriza-se por pele e extremidades frias, cianose e tremores;
•Hipertermia: aumento da temperatura corporal. É uma condição em que se verifica: pele quente e seca, sede, secura na boca, calafrios, dores musculares generalizadas, sensação defraqueza, taquicardia, taquipnéia, cefaléia, delírios e até convulsões.


•Febre: elevação da temperatura do corpo.
•Afebril: sem febre.
•Pirogênio: substância que produz febre.
•Antipirético: medicamento que reduz a febre.

TIPOS DE HIPERTERMIA:
•CONTÍNUA: mantém-se elevada com poucas oscilações.
•INTERMITENTE: quando ocorre regularmente alternância entre um período dehipertermia e um período de temperatura normal ou subnormal.
•REMITENTE: é a hipertermia que oscila em vários graus, porém, sem nunca chegar ao patamar normal.


•RECRUDENTE OU RECORRENTE: após um período normal de temperatura, há nova manifestação de hipertermia.
•FEBRÍCULA OU ESTADO SUBFEBRIL: variações de temperatura entre 37°C a 37,5° C.
•F.O.I.: febre de origem indeterminada

VERIFICAÇÃODA TEMPERATURA CORPORAL:
É realizada utilizando-se um instrumento denominado termômetro, constituído de bulbo e pedúnculo. No bulbo existe uma substância química termossensível denominada mercúrio, que se dilata sob ação do calor. Conforme a temperatura aumenta, o mercúrio sofre maior ou menor dilatação e sobe pelo interior do pedúnculo que possui uma graduação em valores Centígrados(C) ou...
tracking img