Te-arte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1228 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Apresente uma síntese da experiência da Te - Arte, contando como é o cotidiano das crianças e a prática pedagógica lá organizada e desenvolvida.
A organização do espaço na Te – Arte tem um objetivo especial, que é o de transformar o conhecimento da criança, que pode parecer insosso, numa grande “aventura”, a estratégia é deixar as crianças aprenderem em liberdade. A imagem é de um quintalnormal, de tempos atrás quando existia maior espaço para brincadeiras tradicionais, o que não é comum hoje em dia, principalmente nos grandes centros.
O Quintal Mágico dá a nós professores possibilidades de deixar os alunos criar, pesquisar, mostrar esse espaço como um instrumento de criação de idéias, e isso levam a educação, quando a criança aprende com suas próprias experiências esse aprendizadotorna-se mais consistente, onde a criança pode se expressar livremente, onde é respeitado seu tempo, seu jeito, seus limites, ao mesmo tempo em que são estimulados o bom convívio e a interação social. A Te – Arte acredita que a educação infantil deve ser vivida de maneira plena, intensa, livre. Essa sua concepção de educação infantil valoriza a infância como momento único, que deve ser vivido comotal.
A liberdade que se dá para a criança não é simplesmente deixá-la solta e esperar o tempo passar. Pelo contrário, a Te e todos os profissionais tem embasamento teórico e objetivo quando estão em contato com as crianças, sem esquecer-se do afeto e cuidado, essenciais nessa fase. A Te sempre afirma que o brincar é o trabalho da criança. É brincando que a criança aprende e se desenvolve. Nãoadianta "forçar a barra" e querer que a criança fique presa a uma cadeira, em uma sala fechada, fazendo exercícios de coordenação motora fina, ou pintando desenhos prontos, quando o que ela quer e precisa é brincar, de preferência em um grande quintal. O melhor a fazer, nessa fase, é respeitar a criança e seu momento e deixá-la brincar de todas as maneiras: correr, pisar na terra, fazer bolinhos deareia, mexer na água, criar, fazer desenhos, bonecos de argila, dançar, cantar, imaginar. As atividades artísticas também têm um sentido único na Te - Arte. Lá a criança "faz arte" não para mostrar aos pais e à sociedade, mas como processo de livre-expressão da sensibilidade, do brincar, do prazer.
Um lugar simples, porém cheio de importância e de significados, onde as crianças (0-6 anos) passamquase todo o tempo, ficando os espaços internos apenas para dias chuvosos ou de intenso frio e algumas outras atividades. Tem espaça para tudo o que imaginação permitir. Mesmo que seja uma criança apenas sentada na areia, na terra, na grama, brincando com um gravetinho, um bichinho, um paninho ou com um pintinho no colo está tendo um espaço dela com ela mesma, com a natureza e com os brinquedos queé muito importante para a sua saúde mental. Toda criança precisa de espaço natural de conhecer os elementos da natureza com o toque, inventar seus próprios brinquedos testar sua capacidade de criar. A criança precisa ter prazer em aprender, e brincando também se aprende. Aprende a decodificar os códigos da leitura e da escrita, a lidar com os animais, com a natureza e com ela mesma sem medos, oque lhe garante total e absoluta segurança. É preciso, proporcionar à criança o contato com a natureza e seus elementos: ar, terra, fogo e água. Experiências como a da orgânica escola Te - Arte, felizmente, resgata o contato com a natureza, a arte, a cultura popular e o olhar atento e afetuoso, peças de resistência con¬tra a visão utilitarista atual. A Te – Arte permitia aos pré-escolares umaeducação livre, criativa e respeitosa.

Há espaço até para aprender e literal¬mente digerir os ciclos de vida, item tão temido em um tempo que prima pela bus¬ca da juventude eterna à força de pílulas e cirurgias (num dado ano, Therezita trans¬formou em almoço a criação de patos e ga¬linhas, inserindo o conceito de morte como algo natural e com sentido, no caso o da alimentação). Como diz o ditado,...
tracking img