Tcc planejamento familiar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 56 (13779 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO



O planejamento familiar se refere à paternidade responsável e a liberdade do indivíduo ou casal de decidir o número e o espaço entre um filho e outro, também possibilita toda e qualquer informação sobre saúde sexual e reprodutiva, quando resolvem entre si a grandeza de serem pais (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2010). Cabe ao governo conscientizar, incumbindo-os da decisão,através da transmissão de conhecimentos técnicos e científicos. Atualmente a estratégia usada varia desde a contracepção cirúrgica ou medicamentosa até a conversa de orientação sobre como planejar e manter uma família.
Nesse trabalho, tentaremos esclarecer e fundir o conceito de humanização ao planejamento familiar, de modo que ocorra a diminuição da desigualdade social através de meiosplausíveis e fomentadores à ascensão esclarecedora dos menos favorecidos, usufruindo da sensibilidade e empatia que prega a humanização e incentivar os profissionais da saúde através de especialização e boa remuneração.
Respaldado na Lei 9263 de 12 de Janeiro de 1996, o Programa de Saúde da Família vem implementando o planejamento familiar a nível municipal através das Unidades Básicasde Saúde da Família, que entende-se planejamento familiar como o conjunto de ações de regulação da fecundidade que garanta direitos iguais de constituição, limitação ou aumento da prole pela mulher, pelo homem ou pelo casal(BRASIL, 1996).
Atualmente, sabe-se que na prática o planejamento familiar é resumido a métodos contraceptivos, porém abrange-se muito mais, devendo os profissionaisda saúde orientarem e atuarem, travando uma batalha intensa contra o empirismo popular.
A metodologia utilizada no estudo foi revisão bibliográfica que faz uma análise dos conceitos com o intuito de oferecer meios para definir e verificar ações planejadas e humanizadas da enfermagem na saúde da família.
A pesquisa proposta tem característica descritiva e constitui-se numestudo teórico na humanização da saúde pública, com ênfase em planejamento familiar.
Justifica-se a escolha do tema através de experiência vivida em campo de estágio, numa UBSF, no qual observou-se as conseqüências da falta de planejamento familiar em uma família prejudicada pela falta de orientação e suporte básico que deveriam ser oferecidos pela unidade constituinte de seu bairro.Procuramos nos aprofundar na investigação de todos os fatores e fontes relacionados ao problema, pesquisando a origem da família, leis relacionadas, órgãos responsáveis, métodos contraceptivos mais usuais atualmente e as conseqüências.






































1 O QUE É HUMANIZAÇÃO


O conceito humanização vem de humano. Segundoartigo publicado pela Revista Brasileira de Enfermagem compreende-se como humano a natureza humana, bondosa, humanitária, que tem o mesmo sentido de humanidade, no qual se inclui benevolência, clemência, compaixão. Nesse contexto, humanizar é resultado da ação humana. Assim, ainda segundo o artigo mencionado, como humanos o que realizamos é humano, sendo, portanto, próprio ao ser humano visar o bemestar da humanidade, tanto individual como coletivamente, isso é o verdadeiro sentido de humanizar (CORBANI; BRÊTAS; MATHEUS, 2009, p.350).
Segundo Corbani, Bretãs e Matheus (2009, p.350) a palavra humanidade também significa o espírito do homem, a essência humana, dotada de dignidade e, portanto, fim em si mesmo, o que confere com uma visão ontológica. Ela traz o sentido de que devemosagir de tal maneira que tratemos a humanidade, tanto na nossa pessoa quanto na pessoa de qualquer outro, sempre também como fim nunca somente como meio. Isso nos diferencia do isolamento animal.
A humanidade é identificada ou evidenciada principalmente pelo cuidado. Pois cuidar designa amor, amizade, cura. Pode-se dizer, então, que a cura não se dá unicamente pelo técnico-curativo,...
tracking img