Tcc mecanica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2642 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Mecânica Industrial



PROCESSO DE USINAGEM: FLUIDOS DE CORTE.















Mecânica Industrial



PROCESSO DE USINAGEM: FLUIDOS DE CORTE.









PROCESSO DE USINAGEM:

FLUIDOS DE CORTE.













RESUMO

O termo usinagem (Pt-Br) ou maquinagem (Pt-Pt) compreende todo processo mecânico onde a peça é a materia prima de um processode remoção de material. Segundo o dicionário Michaelis, usinagem significa o ato ou efeito de usinar. Na prática isto significa submeter um material bruto à ação de uma máquina e/ou ferramenta, para ser trabalhado. Existem vários processos de usinagem, entre eles, serramento, aplainamento, torneamento, fresamento (ou fresagem), furação, brochamento, eletroerosão, entre outros. A usinagem começouem tempos remotos com processos totalmente manuais e hoje em dia evoluiu muito com o uso de máquinas de alta precisão, como é o caso das chamadas CNC (com comando numérico computadorizado), com uma precisão que chega a ser tão pequena quanto a 1 mícron.
Hoje em dia, a usinagem está presente em diversas indústrias, como a automotiva, a naval, a aeroespacial, a eletrônica, a deeletrodomésticos.










LISTA DE ILUSTRAÇÕES

Figura 1 - DIREÇÕES DE APLICAÇÃO DO FLUIDO ...............................................12

Figura 2 – APLICAÇÃO POR JORRO DO FLUIDO DE CORTE SEMI-SINTÉTICO.....................................................................................................................13

Figura 3 – Sistema de aplicação de fluido de cortesemi-sintético..................................14

Figura 4 – Sistema de aplicação de fluido de corte utilizado como refrigerante para furar.................................................................................................................................14

Figura 5 – Sistema de aplicação de fluido de corte utilizando óleo................................15

Figura 6 – O líquido de corte éaspergido sobre a ferramenta e a peça que está sendo trabalhada.........................................................................................................................15

Figura 7 – Empresa Notox adquire fluido de corte à base de óleo de mamona..............16

Figura 8 – Usinagem com fluido de corte......................................................................16LISTA DE SIGLAS



APC - Aresta postiça de corte

MQF - Aplicação de Mínima Quantidade de Fluido de Corte

EP - Extrema pressão































SUMÁRIO



FLUIDOS DE CORTE


1.0 - INTRODUÇÃO:.................................................................................................... 08
1.1 - FUNÇÕES DOSFLUIDOS DE CORTE:............................................................. 09
1.2 - RAZÕES PARA SE USAR FLUIDOS DE CORTE ............................................ 10
1.3 – ADITIVOS............................................................................................................ 10
1.4 - GRUPO DOS FLUIDOS DE CORTE...................................................................11
1.5 - SELEÇÃO DO FLUIDO DE CORTE................................................................... 11
1.6 - DICAS TECNOLÓGICAS.................................................................................... 12
1.7 - DIREÇÕES DE APLICAÇÃO DO FLUIDO........................................................ 12
1.8 - MÉTODOS DE APLICAÇÃO DOS FLUIDOS DE CORTE............................... 131.9 - MANUSEIO DOS FLUIDOS E DICAS DE HIGIENE........................................ 17
2.0 – CONCLUSÃO....................................................................................................... 18


















1.0 - INTRODUÇÃO

Fluidos de corte nas operações de corte têm sido usados desde a antiguidade. Os registros do significativo aumento...
tracking img