Sub-filo protozoa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3386 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1.0 Protozoa

O sub-reino Protozoa é constituído por cerca de 60.000 espécies conhecidas, das quais 50% são fósseis e o restante ainda vivem até hoje; destes, aproximadamente 10.000 espécies são parasitos dos mais variados animais e apenas algumas dezenas de espécies infectam o homem. Os Protozoa são divididos em sete filos: Sarcomastighophora, Apicomplexa, Ciliophora, Microspora,Labyrinthomorpha, Ascetospora e Myxospora; destes, apenas os quatro primeiros têm interesse em parasitologia humana.
Os protozoários englobam todos os organismos protistas, eucariotas, constituídos por uma única célula. Apresentam as mais variadas formas, processos de alimentação, locomoção e reprodução. É uma única célula que, para sobreviver, realiza todas as funções mantenedoras da vida:alimentação, respiração, reprodução, excreção e locomoção. Para cada função existe uma organela própria, como por exemplo:
• núcleo: bem definido e com envelope nuclear. Alguns protozoários têm apenas um núcleo, outros têm dois ou mais núcleos semelhantes. Os ciliados possuem dois tipos de núcleo – macronúcleo (vegetativo e relacionado com a síntese de RNA e DNA) e micronúcleo (envolvido nareprodução sexuada e assexuada);
• aparelho de Golgi: síntese de carboidratos e condensação da secreção protéica;
• retículo endoplasmático: a) liso – síntese de esteróides; b) granuloso – síntese de proteínas;
• mitocôndria: produção de energia;
• cinetoplasto: uma mitocôndria especializada rica em DNA;
• lisossoma: permite a digestão intracelular de partículas;
• microtúbulos:formam o citoesqueleto. Participam dos movimentos celulares (contração e distensão) e na composição de flagelos e cílios;
• flagelos, cílios e pseudópodos: locomoção e nutrição;
• corpo basal: base de inserção de cílios e flagelos;
• axonema: eixo do flagelo;
• citóstoma: permite ingestão de partículas.

Cada organela é mais ou menos semelhante nas várias espécies,entretanto, ocorrem pequenas diferenças que podem ser observadas ao microscópio óptico ou unicamente ao microscópio eletrônico. Além destas ferramentas, o estudo dos protozoários inclui também aspectos bioquímicos, de biologia celular e molecular.

1.1 Morfologia

Os protozoários apresentam grandes variações, conforme sua fase evolutiva e meio a que estejam adaptados. Podem der esféricos, ovaisou mesmos alongados. Alguns são revestidos de cílios, outros possuem flagelos, e existem ainda os que não possuem nenhuma organela locomotora especializada. Dependendo da sua atividade fisiológica, algumas espécies possuem fases bem definidas. Assim temos:
• Trofozoíto: é a forma ativa do protozoário, na qual ele se alimenta e se reproduz por diferentes processos.
• Cisto e oocisto: sãoformas de resistência. O protozoário secreta uma parede resistente (parede cística) que o protegerá quando estiver em meio impróprio ou em fase de latência (os cistos podem ser encontrados em tecidos ou fezes dos hospedeiros; os oocistos são encontrados em fezes do hospedeiro e são provenientes de reprodução sexuada).
• Gameta: é a forma sexuada, que aparece em espécies do filo Apicomplexa. Ogameta masculino é o microgameta e o feminino é o macrogameta.

1.2 Reprodução

Encontramos os seguintes tipos de reprodução:

ASSEXUADA

• divisão binária ou cissiparidade;
• brotamento ou gemulação;
• endogonia: formação de duas ou mais células-filhas por brotamento interno;
• esquizogonia: divisão nuclear seguida de divisão do citoplasma, constituindovários indivíduos isolados simultaneamente. Na realidade existem três tipos de esquizogonia – merogonia (produz merozoítos), gametogonia ( produz microgametas) e esporogonia (produz esporozoítos).

SEXUADA

Existem dois tipos de reprodução sexuada:
• conjugação: no filo Ciliophora ocorre união temporária de dois indivíduos, com troca mútua de materiais celulares;
• singamia ou...
tracking img