Sociologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de fevereiro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Teorias Sociológicas 2

O meu estágio realiza-se na Escola do Cerco do Porto no curso de B2 Geral de Educação e Formação de Adultos, que tem equivalência ao 6º ano. Os indivíduos que frequentam este curso são todos desempregados e beneficiários do RSI e têm idades compreendidas entre os 20-60 anos.

Profissionais do local de estágio: Professores, Assistentes Sociais, Psicólogos, Estagiáriose Funcionários
Tipos de Tarefas do meu estágio: observação das aulas, ou seja, observar o código linguístico utilizado pelo professor, as reacções dos formandos. Auxiliar os formandos que têm mais dificuldades nas tarefas/exercícios que o professor manda realizar.
Tipificações: “Os beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) não trabalham por que não querem”; “não têm capacidadescognitivas”; “são preguiçosos”;

Estas tipificações são muitas vezes referidas pela Sociedade, porque associam os beneficiários de RSI aos Bairros Sociais, que por sua vez são estigmatizados à marginalização e não vêem o RSI como meio de reinserção na Sociedade. Estes contextos residenciais (bairros sociais) concentram populações socialmente homogéneas o que gera processos de marginalização, dehetero e auto estigmatização e contribuem para a produção de identidades negativas (processo de rotulação) também impedem os moradores de constituir um “nós”, isto é, de afirmar publicamente a sua pertença territorial e de se organizar colectivamente a fim de cuidar e melhorar o seu habitat. Esta estigmatização de que são alvo quer os espaços físicos, quer os seus habitantes acaba por serinteriorizada e a destruição dos espaços físicos acaba por ser uma manifestação da frustração vivida pelos indivíduos. Não tendo possibilidades consistentes de serem reconhecidos de forma positiva na vida social (na escola, no emprego, nos espaços de lazer…), estes indivíduos acabam, muitas vezes, por se defenderem do mal estar provocados pela anulação e inferiorização social a que são votados através decondutas provocadoras em relação à ordem social estabelecida (delinquência, vandalismo, toxicodependência, prostituição, por exemplo), o que acelera o processo de exclusão social e de fechamento em grupos marginais.
Na escola por exemplo, o professor comunica ao aluno através das expectativas que criou, a partir de sinais positivos ou negativos que o aluno apresenta, através das suasexpressões, do seu tom de voz, da sua postura. É a partir desta expressão que o jovem/adulto modifique a percepção que tem de si mesmo, as suas motivações e as suas capacidades cognitivas. Este processo de modificação do comportamento do jovem/adulto prende-se com o fenómeno de rotulação como incapaz, alguém sem capacidades em que não vale a pena investir, o que acaba por ser interiorizada e ajustada peloaluno da imagem imposta pelo professor, acabando o aluno por se entregar ao desleixo, ao desinteresse, ficando completamente desmotivado para as aprendizagens escolares e progressivamente para a continuação dos estudos, o que reforçará a convicção do professor acerca da convicção acerca da incapacidade do aluno. Quando observamos as tipificações que os professores têm em relação aosjovens/adultos e vemos os seus comportamentos seguirem esta linha, verificamos nitidamente que eles vão de encontro às representações que os professores têm, constatamos que existe assim um ajustamento mútuo entre o que é esperado e o que se concretiza.
A discriminação inconsciente por parte dos professores, em função da sua posição desigual das famílias de origem dos alunos na estrutura social, prende-secom três dimensões do trabalho escolar: a instrução (ou educação formal/aquisição dos saberes intelectuais), a disciplina, o sistema de valores e padrões de conduta que remetem para definições do que esta certo e errado, bem ou mal. O facto de os professores produzirem imagens polarizadas do aluno, em função das três dimensões acima referidas, é uma prova do carácter estereotipado das suas...
tracking img