Sociolinguistica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 7 (1606 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 21 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1

FACULDADE SUL BRASIL – FASUL

SOCIOLINGUÍSTICA

DIULHA EBBRES MARCOS DIAS

TOLEDO- PR MARÇO DE 2013

2

DIULHA EBBRES MARCOS DIAS

SOCIOLINGUÍSTICA

Trabalho apresentado a Professora Janice Da disciplina de Linguística Da turma terceiro período, turno noturno. Do curso de Letras com habilitação em Libras.

TOLEDO- PR MARÇO DE 2013

3

Sociolinguística
Maria MauraCezario Sebastião Votre

Exercícios 1- Caracterize a área de estudos denominada de sociolinguística. R: A sociolinguística é uma área que estuda a língua em seu uso real, levando em consideração as relações entre a estrutura linguística e os aspectos sociais e culturais da produção linguística. Tem a língua como uma instituição social, que é variável conforme o meio que falante a utiliza. Parte doprincipio de que a variação e a mudança são inerentes às línguas e que, por isso, devem sempre ser levadas em conta na analise linguística. Seu objetivo de estudo é a língua propriamente dita, falada em um contexto social, em sua própria situação de uso real. Pois, considera a língua como um instrumento completo, com varias possibilidades de uso.
2- Quais são os três tipos de variação linguística?Cite exemplos no nível fonético fonológico. R: Os três tipos de variação são:  Variação regional: associada a distâncias espaciais entre cidades, estados, regiões ou países diferentes; a variável geográfica permite opor, por exemplo, Brasil e Portugal.  Variação social: associada a diferenças entre grupos socioeconômicos, compreende variáveis como faixa etária, grau de escolaridade, procedência,etc.  Variação de registro: tem como variantes o grau de formalidade do contexto interacional ou do meio usado para a comunicação, como a própria fala, o e-mail, o jornal, a carta, etc. No nível fonético-fonológico, podemos dar como exemplo a variação regional das pronuncias de uma palavra como “morena”, com a vogal pré-tônica aberta no Nordeste e fechada na maior parte do Brasil. Nesse nívelsitua-se grande parte da variação que contém formas estigmatizadas, como o segundo membro dos pares seguintes: flamengo ~ framengo, lagarta ~ largata, bicicleta ~ bicicreta. 3- Cite algumas variáveis linguísticas e extralinguísticas que podem explicar o uso das variantes do fonema /r/ em português em posição pós-vocálica (final de silaba). R: O “r” final, que ocorre em palavras como “cantar”, “for”,“der”, “qualquer”, “melhor”, “mulher”, tem diversas variantes fonéticas no Brasil: a) a pronúncia vibrante alveolar do Sul do Brasil; b) a pronúncia retroflexa (com a ponta da língua voltada para trás) do interior de estados como São Paulo; c) a pronúncia velar do Rio de Janeiro, por exemplo; d) a fricativa glotal e e) zero, ou seja, a ausência de som. As variáveis linguísticas associadas àpresença ou à ausência de vibração podem ser (1) a classe sintática da forma em –r: verbo, nome, adjetivo, outros; (2) no caso de verbo, a classe modo-temporal: infinitivo, subjuntivo; (3) ainda no caso de verbo, a vogal temática indicadora de conjugação:- a, -e, -i,-o; (4) a variável extensão, com as variantes: monossílabo, dissílabo, trissílabo e polissílabo. As variantes extralinguísticas envolvem:a) gênero, com as variantes masculino e feminino; b) idade, com as variantes: criança, jovem, adulto, velho ou uma escala de idade.

4

4- Cite um exemplo em que fique claro que há uma relação intrínseca entre língua e sociedade. R: A relação intrínseca entre língua e sociedade parece ser consensual, já que é através dela que a comunicação entre os membros de uma comunidade se efetiva,tornando-se um sistema eficiente de interação social, que realiza inúmeras possibilidades comunicativas. A comunicação é elemento básico para a vida humana em sociedade, e esta se dá, fundamentalmente, pela linguagem. Entendida assim, a linguagem seria um fenômeno de natureza social e como tal não poderia ser estudado fora do âmbito em que se insere. Um exemplo disto é a diferença que ocorre no falar...
tracking img