SISTEMAS OPERACIONAIS

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2168 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de janeiro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO


1. INTRODUÇÃO 2
2. PAGINAÇÃO 2
3. SEGMENTAÇÃO 3
4. ALOCAÇÃO 5
4.1 Alocação contígua 5
4.2 Alocação por lista encadeada 6
4.3 Alocação indexada 6
4.4 Alocação combinada 6
5. CONCLUSÃO 7
6. REFERENCIAS 8



1. INTRODUÇÃO

O gerenciamento de memória é responsável por alocar e liberar espaços na memória para os processos em execução também responsável por gerenciarchaveamento entre os níveis de memória:

Memória principal e secundária;
Memória principal e cache.

A maioria dos computadores trabalha com o conceito de hierarquia de memória, possuindo uma pequena quantidade de memória cache, muito rápida, uma quantidade de memória principal (RAM) e uma quantidade muito grande de memória de armazenamento em disco (HD), considerada lenta. O problema básico para ogerenciamento de memória é que os programas atuais são muito grandes para rodarem, completamente, na memória cache. O gerenciador de memória deve ser capaz de controlar parte da memória está em uso (e quais não estão), alocar memória para processos quando eles necessitam e desalocar quando eles terminam e, principalmente, gerenciar a troca entre a memória principal e o disco, quando a memóriaprincipal é muito pequena para armazenar todos os processos.
Existem dois tipos de memória principal: a memória lógica e a memória física. A memória lógica é aquela manipulada pelos programas, ela é visível para os programas; sempre que um programa necessita alocar um espaço na memória esse espaço é alocado em memória lógica. A memória física é a memória implementada pelos circuitos integrados énela que os espaços alocados em memória lógica vão realmente residir, portanto a memória física tem tamanho menor que a memória lógica, geralmente. Para isso é necessário realizar uma tradução de endereços lógicos para endereços físicos, pois assim um programa que aloca uma memória lógica possa ter de fato uma memória física alocada para si. Esse processo de tradução de endereços lógicos em endereçosfísicos é realizado por uma unidade de gerência de memória chamada MMU (Memory Management Unit).

1. PAGINAÇÃO

O espaço de endereço virtual é dividido em unidades chamadas páginas. As unidades correspondentes na memória física são chamadas molduras de página (ou quadros). As páginas e as molduras (quadros) têm sempre exatamente o mesmo tamanho.
No espaço físico (memória) tem-se váriasmolduras de página. Por exemplo, podem existir 05 páginas situadas no espaço de endereço virtual que são mapeadas na memória física. No entanto, o espaço de endereço virtual é maior que o físico. As outras páginas não são mapeadas. No hardware real, um bit presente/ausente em cada entrada monitora se a página é mapeada ou não.
Quando um programa tenta utilizar uma página não mapeada em uma moldura, aMMU detecta o acontecimento (que a página não está mapeada) e gera uma interrupção, passando a CPU para o Sistema Operacional. Tal interrupção é chamada falha de página. O S.O., então, seleciona uma moldura de página pouco utilizada e grava o seu conteúdo de volta ao disco, substituindo-a pela página requisitada.
Quanto à forma como a paginação pode ser implementada, podemos considerar apaginação simples e a paginação por demanda. Na primeira, todas as páginas lógicas do processo são mapeadas e carregadas para a memória física, isso supondo-se que o espaço de endereçamento de memória para um processo tenha o tamanho máximo igual à capacidade da memória física alocada para processos. No caso da paginação por demanda, apenas as páginas lógicas efetivamente acessadas pelos processo sãocarregadas. Nesse caso, uma página marcada como inválida na tabela de páginas de um processo pode tanto significar que a página está fora do espaço lógico de endereçamento do processo ou que simplesmente a página ainda não foi carregada. Para descobrir qual das situações é a verdadeira basta conferir o descritor de processo, que contém os limites de endereçamento lógico do processo em questão.

2....
tracking img