Sistema circulatorio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1335 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÂNIA
INSTITUTO DE CIÊNICAS BIOLÓGICAS
DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA

Anatomia comparativa do sistema circulatório

Prof. Dr. Edson José Benetti
Goiânia
2009

PRINCIPAIS CONCEITOS – Sistema Circulatório

A) FUNÇÕES:

1) Sistema de transporte de gases (hemáceas), nutrientes (plasma) até as células e produtos biológicos (hormônios, insulina, …)

2)Mecanismo de defesa: apresenta a maior parte das células do sistema imune (leucócitos).

3) Distribuição/eliminação de solutos e água: osmorregulação.

4) Regulação térmica: vasodilatação e vasoconstrição.

B) TIPOS:
1) Sistema simples: há apenas um circuito sanguíneo: coração → órgão respiratório → tecidos → coração. Ex: tubarões e peixes ósseos.
1.1) Aberto: o sangue circula entre ascélulas e parcialmente dentro de vasos. Ex: Insetos.
1.2) Fechado: o sangue circula apenas dentro de vasos: o transporte até as células se dá por meio da capilaridade dos vasos.

2) Sistema duplo: há dois circuitos:
a) Pulmonar: coração → pulmão → coração;
b) Sistêmico: coração → tecidos → coração.
PS: no sistema duplo todos possuem o sistema circulatório fechado. Ex: Tetrapodas (anfíbios,anápsidas, lepidossaurias, aves e mamíferos).

Componentes
1) Coração e vasos sangüíneos: evoluiu da dilatação e aumento dos vasos sanguíneos.
Função: bombeamento do sangue através dos vasos p/ promover um fluxo (circulação) para os tecido.
2) Sistema linfático: sistema de drenagem dos liquídos intersticiais, que nos vertebrados retorna ao sistema circulatório. Nos mamíferos há linfonódosque participam do sistema imune.

3) TIPOS DE VASOS
1) Artérias: mais calibrosas, mais musculares e mais elásticas: para suportar uma maior pressão interna, uma vez que recebe o sangue do ventrículo esquerdo. São vasos eferentes, ou seja, que “saem” a partir do coração.

2) Veias: menos calibrosas e menos elásticas: suportam menor pressão interna, partem das células até o coração. São,portanto, denominadas de vasos aferentes.

3) Capilares: microvasos por onde ocorre a troca de nutrientes e gases com as células.

A) AUSÊNCIA DE SISTEMA CIRCULATÓRIO:
1) Protozoa
2) Metazoa: Porifera, Cnidária e Platelmintes.
Nestes, os gases e nutrientes passam por simples difusão. No caso dos Platelmintes existe um fluido circulatório que banha todos os órgãos, posto em movimento pelascontrações do corpo, mas não existem canais circulatórios.

B) PRESENÇA DE SISTEMA CIRCULATÓRIO:
2) demais metazoários

CORDADOS PRIMITIVOS
SUBFILO UROCHORDATA
Respiração:
É exclusivamente branquial, através de filamentos branquiais.

Circulação:
O bombeamento do sangue é realizado através de um coração tubular, na cavidade visceral, este sangue vai então até a aorta, passa pelos vasossangüíneos distribuídos pela cesta branquial (troca de gás carbônico por oxigênio) e vai até a musculatura e outros órgãos (troca de oxigênio por gás carbônico) e volta ao coração.

CEPHALOCORDATA (ANFIOXO):
Intermediário entre o sistema fechado e aberto: não há capilares e o sangue entra em contato com as células, embora existam vasos aferentes e eferentes.

O sangue não tem papel detransporte de gases, uma vez que não são encontradas células sangüíneas capazes de transportá-los. Papel somente na distribuição de nutrientes e defesa.
Esquema da Circulação:
Possuem vasos mas não existe um coração, apenas uma dilatação ventral capaz de impulsionar o sangue.

Sangue impulsionado por aorta ventral (contrações) → Cesta Branquial (absorção de nutrientes) → artérias branquiais (se unemàs aortas dorsais p/ formar uma única aorta dorsal → corpo (contato com as células p/ troca de nutrientes) → veias → aorta ventral.

CRANIATA
Surgimento dos glóbulos vermelhos: permite aumentar a concentração de pigmentos respiratórios no sangue sem afetar sua viscosidade.
Sistema circulatório fechado.

SUBFILO CRANIATA

SUPERORDEM MYXINOIDEA (feiticeiras): Craniata não Vertebrata...
tracking img