Segundo reinado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1758 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
História

SEGUNDO REINADO
2. POLÍTICA EXTERNA DO SEGUNDO REINADO
A política externa foi marcada principalmente pelos conflitos em que o Brasil se envolveu na REGIÃO PLATINA. Esta região é formada por rios que levam ao oceano Atlântico e, por isso, importante corredor de exportação de mercadorias rumo à Europa. guerra contra Oribe (Uruguai) e Rosas (Argentina) No Uruguai existiam dois partidosque disputavam o poder, o Blanco e o Colorado. O primeiro presidente a ser eleito no Uruguai era do partido Colorado e aliado do Brasil, porém, em 1834 foi eleito Manuel Oribe, do partido Blanco, que se uniu ao presidente da Argentina numa tentativa de união entre os dois países. Esta união afetaria diretamente o Brasil e por isso o Brasil decretou guerra contra o Uruguai e contava com o apoio dopartido Colorado. O Brasil conseguiu derrotar a união de Oribe e Rosas e impedir a anexação do Uruguai pela Argentina. guerra contra Aguirre (Uruguai) Em 1864, o governo brasileiro fez uma reclamação ao presidente do Uruguai, Atanásio Aguirre, para que ele tomasse providências quanto ao roubo de animais brasileiros na fronteira entre os dois países. No entanto o governo uruguaio nada fazia. Entãoo governo brasileiro novamente uniu-se ao partido Colorado declarando guerra contra o Uruguai. guerra contra o Paraguai
Guerra do Paraguai MATO GROSSO BOLÍVIA
Rio Paraguai

D. Pedro II, aos 33 anos de idade, em litografia de A. Sisson. Sua coroação com segundo imperador de Brasil, ainda com 15 anos, foi importante para o fim das rebeliões do Período Regencial, que colocavam em risco a unidadeterritorial do país.

O segundo reinado foi bem mais longo que o primeiro, durou 49 anos e foi marcado pela disputa entre políticos de dois grupos: os progressistas e os regressistas.O Imperador teve que enfrentar uma nova revolta, a chamada Revolução Praieira, que aconteceu em Pernambuco , a província vivia da economia canavieira controlada pelas grandes famílias da região e do comérciocontrolado pelos portugueses. Havia uma richa entre portugueses e brasileiros onde um não dava emprego ao outro. Acontece que o presidente da província foi substituído e os PRAIEIROS (aqueles que pertenciam ao partido da praia) não aceitaram as ordens desse novo presidente e começaram a revolta.Tinham como objetivos : voto livre e universal; liberdade de imprensa; garantia de trabalho para todos;comércio a varejo só para brasileiros; fim do poder moderador. As propostas dos praieiros eram bastante liberais e democráticas mas não citavam o fim da escravidão. Assim sem muito apoio, foram derrotados pelas tropas imperiais.

Corumbá Coimbra Miranda Nioaque Bela Vista
Rio Par aná

BRASIL

Ri o

Pil co m ay o

SÃO PAULO
Dourados

Laguna Cerro Corá

Rio Ber me jo

PARAGUAI

PARANÁCuritiba

1. O PARLAMENTARISMO NO BRASIL
Em 1847, o Imperador D. Pedro II criou o sistema parlamentarista no Brasil como forma de administrar as brigas políticas que havia entre os progressistas e regressistas . Aqui esse sistema foi chamado de PARLAMENTARISMO ÀS AVESSAS, pois era o contrario do modelo inglês. No parlamentarismo inglês o primeiro ministro era escolhido pela câmara dos deputadose aqui no Brasil o primeiro ministro era escolhido pelo Imperador. Assim o Imperador com bastante habilidade política fazia as mudanças políticas alterando e alternando o primeiro ministro entre os regressistas e progressistas. Esta foi a maneira encontrada pelo imperador de contornar as crises políticas geradas ao longo de seu governo.

Rio P a

Rio Uru gua i

ARGENTINA

AssunçãoPeribebuí Campo Grande Angostura Itororó Humaitá Avaí Curupaiti Lomas Valentinas Curuzu Tuiuti Passo da Pátria Corrientes Riachuelo São Borja
raná

SANTA CATARINA
Laguna

RIO GRANDE Uruguaiana DO SUL OCEANO ATLÂNTICO

Salto

Paysandú
N

URUGUAI
Colônia do Sacramento Rio Montevidéu d Buenos Aires a Prat a Território brasileiro pretendido pelo Paraguai
L 0 ESCALA 145 QUILÔM ETROS 290

O...
tracking img