Saneamento basico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3224 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Departamento de Engenharia – Engenharia Civil
Saneamento Básico

MEMORIAL DESCRITIVO DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE SENADOR CANEDO – GO.

Aluno:
Thiago Fellipe Ponce Nogueira.

Goiânia, Junho de 2010
ESTUDO HIDRÁULICO SAA SENADOR CANEDO

Foto de Satélite de Senador Canedo

Memorial descritivo do sistema de adutoras e rede deabastecimento de água da cidade de Senador Canedo – GO.

Este trabalho é parte integrante do projeto do sistema de abastecimento de água da cidade de Senador Canedo – GO. Compreende o período entre 2010 e 2030, e prevê o atendimento de aproximadamente 91.000 habitantes. O projeto é constituído por uma ETA (Estação de água Tratada), dois sistemas armazenamento de água compostos por reservatóriosapoiados e elevados, dois sistemas de adutoras e dois sistemas de redes de distribuição.

Para o dimensionamento do sistema consideramos que a densidade para toda a área do município é uniforme.
* d=População da curva logistica1000ha d =91.0001000 = 91,0 hab/ha
Onde “d” é a densidade populacional e a população da curva logística é igual a 91.500.
Dados:
d = 91 hab/hectare
q = 130 l/hab/diak1 = 1,2
k2 = 1,5

Definição das áreas de influência dos reservatórios.
O município de Senador Canedo possui topografia favorável com duas áreas altas, uma no centro da cidade e outra no centro-sul, possibilitando a construção de dois reservatórios. Os reservatórios serão o CR – São Francisco e o CR – São Sebastião.

Área de atendimento dos reservatórios:

* CR – São Francisco RELVA= 1954.683,5226m² ou 195,468 ha e população de atendimento igual a 17.787 hab.
* CR – São Sebastião RELV A= 1344.964,1434m² ou 134,496 ha e população de atendimento igual a 12.240 hab.
* CR – São Francisco RAPO A= 3732.333,05m² ou 373,23 ha e população de atendimento igual a 33.964 hab.

Vazão média dos reservatórios:

Através da formula Qméd=Pxqxk186400 , calcularemos a vazãomedia de cada reservatório, onde “p” é a população atendida, “q” é a vazão em m³/hab/dia e “k1” é o coeficiente de vazão máxima diária.
Para o CR – São Francisco temos:

* CR – São Francisco RELV Qméd=17.788x0,13x1,286400 = 32,11 l/s

* CR – São Francisco RAPO Qméd=33.964x0,13x1,286400 = 61,32 l/s

* CR – São Sebastião RELV Qméd=12.240x0,13x1,286400 = 22.10 l/sDimensionamento de volume dos reservatórios.

Para o cálculo de dimensionamento dos reservatórios, primeiramente deve ser verificado o volume que cada reservatório comporta. Através da fórmula Q=VT, onde “V” corresponde ao volume. Para o CR – São Francisco temos;

* CR – São Francisco RELV Q=VT V=32,11 x 86,4003x1000 = 924,768 m³

Consideramos que o volume máximo dos reservatórios elevados seráigual a 250m³, então o CR – São Francisco será composto por dois reservatórios apoiados e um reservatório elevado.

* CR – São Francisco RELV = 250m³
* CR – São Francisco RAPO = 674,768m³

CR – São Francisco RAPO V=61,32 x 86,4003x1000 = 1.766,016 m³, esse valor será somado com o volume restante do reservatório elevado e dividido entre dois reservatórios apoiados.

CR – SãoFrancisco RAPO (1.766,016 + 674,768) = 2.440,784m³
Então a capacidade de cada reservatório apoiado é igual a 1.250,00m³.
* CR – São Francisco RELV = 250m²
* CR – São Francisco RAPO¹ = 1.250,00m³
* CR – São Francisco RAPO² = 1.250,00m³

Para o CR – São Sebastião temos;
* CR – São Sebastião RELV V=22,10 x 86,4003x1000 = 636,48m³, portanto:
* CR – São Sebastião RELV = 250m³* CR – São Sebastião RAPO = 400m³

Dimensionamento físico dos reservatórios de água.

Para o dimensionamento físico dos reservatórios usaremos a fórmula
V=π x D24x h, onde “V” é o volume em metros cúbicos do reservatório e “h” é a altura em metros adotada para o cálculo.

* CR – São Francisco RELV 250 =π x D24x 5 D= 7,98m ou 8,0m de diâmetro e área total igual a 50m².
*...
tracking img