Rousseau

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (265 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Tese: A piedade é um sentimento natural, que induz ao homem à não fazer o mal e à não haver brigas sanguentas, as quais só ocorrem por motivos mais sensíveis.Pergunta; A partir da tese, disserte brevemente sobre a relação entre conservação individual e conservação da espécie na filosofia de Rousseau. Voce pode mencionar acrítica de Rousseau à política de Hobbes.

Segundo Rousseau, o ser humano vem de um estado de natureza, no qual o homem vivia preocupada somente com suaconservação. Mas, ao longo do tempo, o homem tornou-se obrigada a conviver com outros homens, a partir do que Rousseau chama de “bondade natural”. Essa vontade natural éreferente à conservação tanto da espécie quanto da individual. Essa bondade natural da espécie é entendida a partir da piedade, isto é, sentimento pelo qual o homemnão faz mal à outro sem motivos. Assim como sugere no trecho lido "Discurso sobre a Origem e os fundamentos da desigualdade entre os homens”, do autor Rousseau, apartir de um sentimento natural o homem não brigar e luta por simples motivos, mas por motivos mais sensíveis como a falta de alimento. É possivel concluir, então, quea partir da conservação individual e da bondade natural – como exposto, a piedade – há a conservação da espécie. É importante ressaltar, ainda, a crítica deRousseau à Hobbes em relação ao estado de natureza do homem, isto é, para Rousseau ia contra a idéia de Hobbes a qual era “Guerra de todos contra todos”. Assim sendo,Rousseu acredita que o homem é naturalmente bom, e portanto não à necessidade de um poder centralizador para colocar ordem, mas apenas para exprimir a vontade geral.
tracking img