Romantismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1164 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
NOME DA OBRA E AUTOR: LUCIOLA DE JOSÉ DE ALENCAR

Tipo de romance: É um romântico urbano, publicado em 1862. O mesmo gira em torno do seu “eu” (que é o Paulo), doque Paulo sente, pensa e quer. Uma ficção romântica onde estão em continua desarmonia (PORQUE??) com os valores e imposições da sociedade e da família. A temática central é a exaltação do amor como força purificadora, capaz detransformar a prostituta em uma amante fiel, que se torna o amor da vida de Paulo.

PERSONAGENS E PROTAGONISTAS:

Paulo: É um provinciano de Pernambuco, 25 anos, que veio tentar se estabelecer no Rio de Janeiro. É o narrador da história e como tal faz desviar a atenção do leitor para Lúcia e outros aspectos, não revelando certas informações suas, por causa de “as cartas a Senhora Maria da Glória”Paulo narra a história de Lúcia pois ela é o grande amor dele.

Lúcia: É uma cortesã cuja prostituição era-lhe um tormento constante, já que não se entregava totalmente a ela. Vivia tomada pela culpa e se autoponia, pois não era prostituta e se sentia culpada. Coexistem nela duas pessoas: Maria da Glória, a menina inoscente, simples e pobre, e Lúcia, a cortesã sedutora e caprichosa, cujo tinha oshomens aos pés dela porque ela se torna uma cortesã de luxo, que atuava nos salões.
Ela era Maria da Glória quando queria ser uma simples amante, tipo Maria da Glória pra namorar o Paulo e Lúciola pra trabalhar.
Para MG era um tormento, pois ela não nasceu Lúcia, nasceu Maria da Glória. Maria da Glória passa a ser Lúciola quando o pai dela expulsa ela de casa e ela encontra uma mulher queleva ela pra vida, pois o pai dela fica doente e ela pede dinheiro pros vizinhos pro tratamento e quando a família sabe fica de cara, porque naquela época pedir dinheiro era o fim do mundo e ela encontra a mulher que leva ela pra vida.

ANTAGONISTA:
Sociedade.

TEMPO CRONOLÓGICO:
Acontece na metade do século XIX no ano de 1855. O tempo é cronológico, ou seja, em Lucíola os fatos acontecem comuma sequência natural de horas, dias, meses e anos.
flash back: Quando Lúcia narra a Paulo seu passado e a primeira vez em que Paulo vê Lucia. E em alguns momentos ela avança como no capítulo I e uma parte do último, trechos que revelam o estado de alma de Paulo seis anos após a morte de Lúcia.

PSICOLÓGICO:
A própria obra.

Espaço físico? Ela vem da periferia, e vai para o centro porque nãotinha outro lugar.
Espaço ambiente/físico? A Igreja. Preconceito, ausência da família.

ENREDO:

Paulo, em sua primeira noite no Rio de Janeiro, na companhia de seu amigo, avista de dentro de um carro, uma belíssima moça na Rua das Mangabeiras.
Dias depois, junto de Dr. Sá seu companheiro e amigo de infância, na festa da Glória, Paulo reencontra a mesma mulher, sem se lembrar de onde aconhecia. Após comentar da beleza e elegância da jovem, descobre que se trata da meretriz mais bela e disputada da cidade: Lúcia.
Quase um mês se passou e Paulo, que só pensava em Lúcia, vai à sua procura no intuito de possuí-la. Entretanto, quando chega à casa da moça, começa a conversar com ela e percebe sua ingenuidade. Ao sair da casa, tinha vergonha de si mesmo, pois achava que deveria terusufruído mais de sua noite e de sua acompanhante.
No dia seguinte, Paulo retorna a casa da moça, faz com que ela se entregue e consegue possuí-la rapidamente, fazendo Lúcia derramar duas lágrimas. Paulo percebe algo diferente e ao tentar pagar por seus serviços, Lúcia recusa seu dinheiro. Num jantar na chácara de Sá, Lúcia, nua imita as poses de quadros pendurados nas paredes da sala, e desvenda-sea mulher e a contradição entre alma casta e o corpo demoníaco. Em lágrimas, ela se explicou ao Paulo no jardim da casa. E os dois se amaram as luzes da lua até de madrugada.
Passados alguns dias, os dois começam a morar junto na casa de Lúcia que já o ama e se entrega totalmente. Paulo ainda sente mais desejo do que amor. Há desentendimento entra ambos pelo egoísmo e incompreensão de Paulo.
A...
tracking img