Leds

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 42 (10413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELETRÔNICA E DE TELECOMUNICAÇÃO

LABORATÓRIO DE ELETRÔNICA II
APOSTILA DE AULAS PRÁTICAS
1o semestre / 2011

ENGENHARIA ELÉTRICA
Elaboração: Profa. Lícia Arruda Baseada nos textos originais dos professores Luiz Paulo Wilke Buratto e Paulo José da Costa Cunha Revisão-01/07: Professor Paulo José da Costa CunhaRevisão-01/11: Professor Francisco Garcia

2

SUMÁRIO
AULA PRÁTICA NO 01 - AMPLIFICADORES OPERACIONAIS I
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

3
3 5 10

AULA PRÁTICA NO 02 - AMPLIFICADORES OPERACIONAIS II
PARTE PRÁTICA QUESTÕES

11
11 15

AULA PRÁTICA NO 03 - AMPLIFICADORES OPERACIONAIS III
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

16
16 17 21

AULA PRÁTICA NO 04 – AMPLIFICADORESOPERACIONAIS IV
PARTE PRÁTICA CIRCUITO 3 QUESTÕES

22
22 24 27

AULA PRÁTICA NO 05 - APLICAÇÕES DO CIRCUITO INTEGRADO 555
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

28
28 29 33

AULA PRÁTICA NO 06 - DIAGRAMAS DE BODE I
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

34
34 34 37

AULA PRÁTICA NO 07 - DIAGRAMAS DE BODE II
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

38
38 39 42

AULA PRÁTICA NO 08- RESPOSTA EM FREQÜÊNCIA DE UM AMPLIFICADOR TRANSISTORIZADO
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

43
43 44 46

AULA PRÁTICA NO 09 - REALIMENTAÇÃO NEGATIVA I
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA QUESTÕES

47
47 50 52

AULA PRÁTICA NO 10 - REALIMENTAÇÃO NEGATIVA II
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA

53
53 55

AULA PRÁTICA NO 11 – OSCILADORES ELETRÔNICOS
PARTE TEÓRICA PARTE PRÁTICA

58
58 63 3

Aula Prática No 01 - Amplificadores Operacionais I Objetivos: Fornecer ao aluno o primeiro contato com os amplificadores operacionais,
verificando os tipos de encapsulamento, modos de polarização, pinagem e proteção, entre outros parâmetros. Observar e compreender o funcionamento das seguintes aplicações de amplificadores operacionais: circuito inversor, circuito não inversor e circuitoseguidor de tensão.

Equipamentos Necessários:
• • • • • Fonte de alimentação CC Módulo 10 Osciloscópio Gerador de função Voltímetro

Parte Teórica
1) Obter do manual do fabricante dados referentes a dois tipos de amplificadores operacionais (amp.op.): LM741 e o LF351. Sites para consulta: http://www.national.com/pf/LM/LM741.html http://www.ti.com http://www.fairchildsemi.comhttp://www.questlink.com

2) Definir os seguintes termos: o Ganho de malha aberta:

o

Razão de rejeição de modo comum (CMRR):

o

Slew rate:

o

Faixa de passagem:

4
3) Preencher as tabelas 7.1 e 7.2 com os dados obtidos no manual do fabricante. Tabela 7.1 – Parâmetros do Amplificador Operacional LM741 LF351 Parâmetros Tensão máxima de alimentação Tensão típica de alimentação Corrente máximade saída Existência de proteção contra curto circuito Ganho de malha aberta Resistência de entrada Razão de Rejeição de Modo Comum (CMRR) Resistência de saída Máxima tensão diferencial de entrada Valor do primeiro polo (sem realimentação) Slew Rate Corrente de polarização de entrada Corrente off set de entrada Produto ganho x largura de banda Máxima excursão do sinal de saída (swing)

Tabela 7.2– Pinagem do Amplificador Operacional Pinagem Amp.Op. LM 741 LF 351 1 2 3 4 5 6 7 8

4) Mostrar as principais formas de polarização de um amp.op. a) Utilizando fonte simétrica

b)

Utilizando simulação de fonte simétrica a partir de fonte única

c)

Utilizando fonte simples

5
5) Mostrar como proteger um amp.op. nas seguintes situações: a) Inversão de polaridade da tensão dealimentação.

b)

Proteção da entrada diferencial em ±0,7 V.

c)

Proteção da entrada diferencial em outro valor qualquer.

6) Um importante parâmetro do amp.op. é conhecido como slew-rate. Explicar o que é este parâmetro e como ele limita a variação do sinal de saída de um amp. op. Comparar o LM741 e o LF351 em termos de slew-rate.

Parte Prática
Circuito Inversor 1) Utilizando os...
tracking img