Resumo fisiocracia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1476 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo – Os Fisiocratas, Cláudio Napoleoni
Economia Política I – Professor Galeno
Aluno: Daniel Correia de Meireles
1. Objetivo da investigação dos fisiocratas: o sistema econômico em seu conjunto. A premissa em que se baseia seu discurso é a afirmação de que existe uma “ordem natural” para a sociedade. Esta ordem, para os fisiocratas, existe em razão dos seres humanos, enquanto estes nãocriam obstáculos à sua afirmação. A possibilidade de afirmar uma ordem natural para a sociedade era sugerida aos fisiocratas pela difusão da economia mercantil.
- A base da constituição da ordem natural: o conjunto dos homens é uma sociedade, isto é, uma unidade regida por leis necessárias apenas na medida em que as atividades econômicas dos homens sejam reduzidas e integradas à unidade através de umprocesso que somente a TROCA pode realizar.
- A representação científica que os fisiocratas concedem à ordem da natureza acha-se referida a uma economia inteiramente mercantil, na qual “ninguém que vive em sociedade pode prover a todas as suas necessidades com seu trabalho; porém, obtém o que lhe falta com a venda do produto de seu trabalho”, e na qual, “cada um trabalho para os demais, emboraacredite trabalhar apenas para si mesmo”.
- Para que se possa explicar o conteúdo que a fisiocracia atribui à ordem natural, deve-se ter presente a imagem do processo econômico sugerida pela estrutura econômica francesa por volta da metade do séc. XVIII. Tratava-se de uma economia voltada predominantemente agrícola, com a propriedade da terra basicamente de caráter senhorial; a condução daatividade agrícola já era do tipo predominantemente capitalista. As atividades manufatureiras e comerciais da cidade eram dominadas pelas formas artesanais. Da confrontação entre a agricultura capitalista e camponesa, obtinha-se a superioridade da agricultura capitalista em termo da capacidade produtiva, o que sugeria aos fisiocratas a tese de que a direção de tipo capitalista constituía a mais avançadae a mais desejável das formas de direção.
- Para os fisiocratas, a tarefa histórica do capitalismo consiste numa ampliação, por ele tornada possível, do excedente; por essa razão, sua presença possui um significado e assume uma importância econômica real somente no âmbito daquelas atividades nas quais se forma o excedente. Não é porque o capitalismo realiza-se apenas na agricultura que aagricultura é a única atividade que produz um excedente, mas é porque o excedente somente existe na agricultura que o capitalismo, como meio para a ampliação do excedente, faz sentido exclusivamente dentro do âmbito da atividade agrícola.
2. Excedente
- Origem: se o excedente surge como elemento naquela atividade em que a terra intervém como elemento determinante do processo produtivo, isso significaque é a própria TERRA a que se atribui o poder de dar origem a um “produto líquido”. Se, utilizando o pensamento dos fisiocratas, definirmos como trabalho produtivo aquele trabalho capaz de produzir excedente, chegaremos então à conclusão de que o único trabalho produtivo é o agrícola.
- Atribuição: o pensamento fisiocrático se caracteriza pela tese de que o “produto líquido” se restringeinteiramente à renda fundiária. Temos aqui outra diferença em face da teoria clássica que se seguiu à teoria fisiocrática: na teoria clássica, o “produto líquido” origina duas formas de renda: a renda fundiária e o lucro.
* Arrendatários capitalistas: lucros temporários, pois são absorvidos pela renda fundiária assim que houver a primeira renovação do contrato de arrendamento.
- Avaliação: Fertilidadeda terra e capacidade de exploração. A totalidade do processo de circulação e a amplitude das trocas dependem da quantia da própria terra.
3. Esta teoria do excedente constitui a base sobre a qual Quesnay constrói seu esquema de funcionamento do sistema econômico, o famoso TABLEAU ÉCONOMIQUE. Neste esquema, a sociedade acha-se dividida em três classes: a classe “produtiva”, constituída pelo...
tracking img